Irreconhecível, Chapecoense leva três de Jeferson e perde para o Botafogo-SP
Botafogo 3 a 0 Chapecoense (Foto: Divulgação / Botafogo Futebol SA)

A Chapecoense segue vivíssima na luta pelo título da Série B 2020. No último sábado (09), entretanto, o Verdão do Oeste foi engolido pelo Botafogo, em duelo válido pela 33ª rodada da competição. Na Arena Eurobike, popularmente conhecido como Santa Cruz, os catarinenses tomaram 3 a 0 do Chulé. Mais impressionante ainda é o fato de Jeferson, ponta direita do Pantera, ter marcado os três tentos da peleja.

As duas equipes vieram armadas no 4-2-3-1. A Chapecoense teve mais posse de bola (62%), mas o Botafogo chutou muito mais a gol (26 a 11) e acertou mais finalizações a gol (doze a dois). Moacir Junior treina o Pantera, enquanto Umberto Louzer é o técnico do clube catarinense.

Incredulidade

Quem acompanhou a partida ficou pasmo com a facilidade com que o Botafogo criava oportunidades. A peleja, ao menos, começou equilibrada. Nos primeiros segundos do cotejo, Guilherme Romão chutou de longe e João Ricardo espalmou. Aos sete, Mike recebeu no lado direito, clareou e chutou forte. Igor defendeu bem. Com 14, Val também tentou chutar de longe, mas não assustou o goleiro alviverde.

O placar elástico começou aos 17 minutos. Ronaldo cruzou da esquerda e Jeferson cabeceou para o chão, com a bola entrando à esquerda da meta chapecoense. Dois minutos depois, mais um: João Ricardo bateu roupa em chute de Matheus Anjos e novamente o ponta direita marcou. Aos 21, Matheus Anjos chuta colocado após bom passe de Ronald e obriga o goleiro da Chape a fazer boa defesa. Com 28, Anselmo Ramon chuta da entrada da área no lado direito e Igor, em dois tempos, salvou.

No final da primeira etapa, Guilherme Romão arriscou de fora da área e quase ampliou. A Chapecoense voltou a arriscar nos acréscimos. Com 45, Anderson Leite chuta de fora e Igor defendeu. Segundos depois, Anselmo Ramon finalizou no segundo poste e errou por pouco. 

O Botafogo começou mais atento a segunda metade de jogo. Val desce pela direita e chuta forte, obrigando o goleiro chapecoense a fazer boa defesa. Aos 14, de novo Jeferson marcou. Guilherme Romão acionou Matheus Anjos, que chutou forte. João Ricardo rejeitou e a bola sobrou para o ponta direita, artilheiro da noite. A Chape poderia, ao menos, descontar: Felipe Garcia cabeceou cobrança de escanteio na área e carimbou o travessão. 

Próximos jogos

O Botafogo segue a luta contra o rebaixamento na Série B 2020 na próxima terça-feira (12), às 19h15 (Horário de Brasília), recebendo o Sampaio Corrêa. No mesmo dia, mas às 21h30, a Chapecoense recebe o Figueirense. 

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo