Heróis improváveis: quem poderá
surpreender na final da Libertadores?
Jovens jogadores podem ser os heróis na conquista da Libertadores. (Foto: Arte VAVEL Brasil)

No próximo sábado (30), Palmeiras e Santos se enfrentarão pela final da Libertadores da América, no estádio do Maracanã. É a terceira vez que clubes brasileiros fazem o confronto final da competição mais importante da América do Sul.

Em sua quinta final de Libertadores, o Palmeiras conta com alguns destaques no elenco como Weverton, Raphael Veiga, Rony e Luiz Adriano para conseguir o seu segundo título. Também em sua quinta final, o Santos vai em busca do tetracampeonato e tentará se tornar o time brasileiro com mais títulos na competição, e conta com Lucas Veríssimo, Soteldo e Marinho para alcançar esse feito.

E quem são os jogadores que podem surpreender e se tornarem heróis em meio aos grandes destaques das equipes? Confira abaixo:

Palmeiras

Do lado Alviverde, três nomes chamam atenção: Patrick de Paula, Gabriel Menino e Gabriel Verón. Todos oriundos das divisões de base do Palmeiras, com idade olímpica e que foram campeões paulista em 2020.

Patrick de Paula, 21 anos, foi responsável por bater o pênalti que deu o título paulista para o Palmeiras após 12 anos, o volante espera quebrar o jejum também na Libertadores. O jogador possui 41 jogos e cinco gols na temporada.

Com 20 anos, Gabriel Menino possui muita qualidade técnica, inclusive tendo sido convocado para a Seleção Brasileira pelo técnico Tite. Podendo jogar como volante e lateral, o atleta disputou 51 jogos e fez três gols, sendo um dos que mais atuaram na temporada.

Grande destaque nas divisões de base, o atacante Gabriel Verón foi campeão Mundial sub-17 com a Seleção Brasileira em 2019 e com apenas 18 anos, é a grande joia palmeirense. O jogador possui 35 jogos e nove gols na temporada.

Santos

Notabilizado por revelar e utilizar bastante sua base, o Santos conta com alguns Meninos da Vila para conquistar o tetracampeonato da Libertadores. John, Lucas Braga e Kaio Jorge são jogadores que pedem passagem em busca de afirmação entre os profissionais.

Com 24 anos, o goleiro John precisou ser paciente até conseguir sua oportunidade entre os profissionais.O jogador da base alvinegra chegou a ser emprestado para a Portuguesa Santista em 2019 e apenas em 2020 teve sua primeira chance de defender o gol do Peixe. São 13 jogos na temporada, tendo disputado as oitavas, quartas e semifinal da Libertadores como titular. Caso a partida vá para as penalidades, ele pode surgir como herói.

Também com 24 anos, o meia-atacante Lucas Braga não surgiu na base do Santos. Ele chegou em 2019 para o time sub-23 e após empréstimo para disputar o Campeonato Paulista pela Inter de Limeira em 2020, ele retornou ao Peixe no segundo semestre e desde então tem tido oportunidades no profissional. São 35 partidas com quatro gols marcados, incluindo um durante a semifinal da Libertadores contra o Boca Juniors.

Mais novo entre os três, Kaio Jorge é a grande joia santista. O atacante foi campeão Mundial sub-17 com a Seleção Brasileira em 2019 e marcou três gols no confronto agregado diante do Grêmio nas quartas de finais da Libertadores. Foram 44 jogos e oito gols na temporada.

Resta esperar até sábado, dia 30 de Janeiro de 2021, no estádio do Maracanã às 17h para sabermos quem serão os heróis do título da Libertadores e entrarão para a história de Palmeiras ou Santos. Você confere toda a cobertura desta grande final, aqui na VAVEL Brasil.

VAVEL Logo