Crespo tranquiliza torcida do São Paulo e alivia para arbitragem após derrota para 4 de Julho
Hernán Crespo em 4 de Julho 3 a 2 São Paulo (Rubens Chiri / São Paulo FC / Divulgação)

O 4 de Julho surpreendeu todo o futebol brasileiro. Nesta terça-feira (01), jogando no Albertão, a equipe do Piauí venceu o São Paulo em duelo válido pela ida da terceira fase da Copa do Brasil 2021 por 3 a 2. Apesar do resultado mais do que surpreendente, o treinador tricolor tratou de tranquilizar a torcida.

Para Hernán Crespo, a derrota não faz do time do SPFC pior. "O São Paulo está seguramente dois ou três gols acima do 4 de Julho, mas não basta só dizer isso. Nós devemos merecer e temos a possibilidade de fazer isso na próxima semana. Perdemos os primeiros 90 minutos, mas faltam mais 90 no Morumbi. O 4 de Julho jogou um bom jogo", pontuou.

Atuando com uma equipe inteiramente composta por reservas, o treinador do SPFC também deixou claro que os suplentes não são desprezíveis. "Eles não eram fenômenos depois da vitória contra o Sporting Cristal e ninguém é ruim depois da derrota para o 4 de Julho. Devemos manter o equilíbrio, pois cada um sabe o que deve melhorar e continuar trabalhando neste sentido. Estamos serenos, não preocupados. Sim, devemos nos ocupar mentalmente para melhorar esses aspectos", comentou.

Arbitragem

Sem polemizar, o técnico do Tricolor também falou sobre a atuação de Zandick Gondim, árbitro da peleja. "Infelizmente, o árbitro não viu o impedimento no segundo gol, mas, independentemente disso, temos a possibilidade de jogar o segundo jogo no Morumbi e poder fazer a diferença que merecem os times", destacou, sem citar o gol marcado por Galeano, no final da segunda etapa, que empataria a peleja e foi invalidado.

A partida de volta acontece na próxima terça-feira (08), às 19h (Horário de Brasília), no Morumbi. Antes disso, no próximo sábado (05), a equipe viaja para enfrentar o Atlético-GO, também às 19h. 

VAVEL Logo