Diretoria do Flamengo irá mandar vídeos do jogo contra Palmeiras para CBF

Diante de um duelo duríssimo. Guerrero mostrou-se chateado com as marcas no corpo após o duelo na Ilha do Urubu

Diretoria do Flamengo irá mandar vídeos do jogo contra Palmeiras para CBF
(Foto: Arianna Lacerda/VAVEL Brasil)

Com empate duvidoso aos olhos do presidente Eduardo Bandeira de Mello, a diretoria do Flamengo entrou em um consenso para tomar uma decisão diante do jogo de quarta-feira (19), o time carioca enfrentou o Palmeiras e arrancou um empate, dentro da Ilha do Urubu. O clube carioca entrará com recurso contra a arbitragem na CBF, enviando os lances na partida, na visão da diretoria rubro-negra prejudicou a equipe na partida.

Bandeira de Mello listou detalhadamente todos os lances onde teve erro da arbitragem. Os lances listados foram as faltas nos gols do Palmeiras, chamando-os de "ilegais"; pênalti em Guerrero feito por Mina, que não foi marcado no primeiro tempo; gol anulado por impedimento no primeiro tempo, quando Guerrero finaliza e marca enquanto o jogo já estava parado.

Guerrero, o mais indignado, mostrou as marcas pelo corpo após o confronto e perguntou diversas vezes apontando aos hematomas: "Isso aqui é futebol?", rebateu o atleta.

Sendo cobrado pelos jogadores por providências, então, Bandeira de Mello afirmou que entrará com recurso apesar de não haver resultados. 

"Vamos fazer o de sempre. Vamos fazer um DVD, levar lá na CBF, mas o que vai acontecer é o mesmo que aconteceu das outras vezes. Ou seja, nada. O Flamengo foi o único clube que apresentou plano externo de arbitragem, com participação de auditoria independente, com avaliação dos 90 minutos do jogo. Isso foi engavetado e serviu até de deboche em programas esportivos", afirmou.

O vice-presidente de administração do Flamengo, Rafael Strauch, também se mostrou revoltado com os erros de arbitragem, soltando em sua rede social o desconforto: “Dois pênaltis não marcados, gol do adversário em uma falta no Guerrero, gol legítimo anulado. Acho que o presidente da CBF é Palmeiras”, escreveu o dirigente.

Portanto, o Flamengo irá encaminhar todos os documentos necessários para fazer a ocorrência nesta sexta-feira (21) e, assim, para serem tomadas as devidas providências. 

Flamengo