Éverton Ribeiro pede cautela em duelo contra Palestino: "Temos que jogar com total atenção"

Meia concedeu coletiva no fim da tarde e falou sobre a expectativa de um novo técnico, o auxiliar Jayme de Almeida e falou sobre a partida de volta contra o Palestino

Éverton Ribeiro pede cautela em duelo contra Palestino: "Temos que jogar com total atenção"
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Nesta terça-feira (8), no Ninho do Urubu, após o treino de preparação para o jogo de volta da Copa Sul-Americana contra o Palestino, o meia Éverton Ribeiro concedeu entrevista coletiva e falou sobre a expectativa de um novo técnico, comentou o relacionamento com Jayme de Almeida e sobre o jogo da próxima quarta-feira (9).

"Expectativa que sentimos não é o que a gente esperava, porque mostra que não estamos fazendo perfeitamente nosso trabalho, que seria vencer. Não pude falar com o Zé, mas ele sabe de todo respeito que todos nós temos por ele. Acabou sobrando para o técnico, como disse o Rodrigo Caetano. Não foi só ele que errou, temos que assumir" - disse.

Nos últimos dias, a principal especulação para o cargo gira em torno de Reinaldo Rueda, ex-treinador do Atlético Nacional e colombiano - assim como Berrío e Cuéllar. Perguntado sobre Rueda, Éverton Ribeiro disse ter consultado os colegas colombianos.

"É uma das alternativas que estamos escutando. Perguntamos a Berrío e Cuéllar. Disseram que tem muita capacidade. Treinou grandes equipes, seleções. Se vier, que faça um grande trabalho [...] Ele (Berrío) disse que é uma pessoa boa de grupo, que é estudioso, lembrou que foram campeões juntos. Se vier, vai ajudar bastante. Mas não chegou a dizer quando vem (risos)" - comentou.

Apesar das especulações, no atual cargo está Jayme de Almeida, membro da comissão técnica permanente do Flamengo e treinador do clube em 2013. Sobre o auxiliar, que comandará o time contra o Palestino na quarta-feira (9), o meia demonstrou satisfação com a escolha momentânea.

"Ele já está no dia a dia com a gente. Já foi campeão aqui com o manto. Ninguém melhor nesse momento poder assumir a responsabilidade. Ele nos passou tranquilidade. Pediu para jogarmos com alegria, o que ele pediu foi organização na hora de atacar e defender, jogar solto" - contou.

Por fim, Éverton também falou sobre os possíveis perigos de se enfrentar a equipe do Palestino após vencer por 5 a 2 o jogo de ida. "Pelas circunstâncias, temos que jogar com total atenção para não termos problemas. Queremos sair classificados e jogando bem. Temos que dar prova para nós e para o torcedor, que está chateado tanto quanto a gente. Temos que fazer grande partida para levantar nossa moral e continuar nossa caminhada até o final do ano".

O Flamengo entra em campo na quarta-feira (9), às 21h45 para enfrentar o Palestino na Ilha do Urubu, pelo jogo de volta da Copa Sul-Americana e pode perder por até três gol de diferença.