Grupo Jogá promete novidades para o mercado da pesca esportiva no Trade Show 2023
Foto: Caio Souza/On Board Sports

O Pesca & Companhia Trade Show, maior exposição do segmento da América Latina, reuniu em 2022 mais de 80 estandes em três dias de feira recebendo cerca de 12 mil visitantes. Com mais de 50% dos expositores já confirmados para 2023, a feira terá mais uma vez os principais players da cadeia produtiva de pesca, tiro esportivo, náutica, turismo e serviços ligados ao segmento. Entre eles está o Grupo Jogá, mais uma marca confirmada para a próxima edição.

O Grupo, além da Jogá, possui produtos das marcas Saint e Crown. Todas elas especializadas em acessórios ligados à prática da pesca esportiva. Com 12 participações na história do Trade Show, a empresa sempre busca trazer novidades para as edições da qual participa. E em 2023 não será diferente.

“Esperamos encontrar um mercado de pesca ainda em grande ascensão e em um cenário econômico mais favorável. O motivo que nos levou a participar de mais uma edição é o mesmo das outras 12 vezes anteriores: acreditamos que todo setor precisa de uma feira anual com projeção nacional para promover, incentivar e impulsionar toda a sua cadeia, e sem dúvidas para o setor de pesca o Trade Show é o evento ideal. Por isso, há 12 anos não medimos esforços para participar e incentivar esse evento!”, afirma Luciano Trevisan, representante de marketing do Grupo Jogá.

“Já estamos trabalhando nos projetos para o próximo ano, com muitas novidades no segmento! Inclusive a feira tem exatamente essa proposta, de incentivar o mercado a sempre inovar”, completa Luciano.

O volume de negócios do evento em 2022 foi um sucesso e superou R$ 350 milhões. O mercado gera por ano, segundo o Governo Federal, mais de R$ 10 bilhões. Segundo Luciano, esses números podem ser ainda maiores nos próximos anos. Por isso, o Grupo Jogá aposta alto na participação no evento, em busca de estreitar contatos e expandir as vendas em um mercado em expansão.

“No Trade Show podemos encontrar novos lojistas e aqueles já estabelecidos a procura de fornecedores. É um atalho para promover o encontro direto de todos os setores. Esse encontro pessoal é muito importante para estreitar os relacionamentos e nos dar a chance de mostrar todo o nosso potencial”, analisa o representante do Grupo Jogá.

“O mercado de pesca no Brasil cresceu muito nos últimos anos e, ao nosso ver, há muito o que crescer ainda. Sabemos da nossa capacidade pesqueira natural que já foi muito depredada, mas que já dá sinais de recuperação com a nova mentalidade de preservação que vem surgindo. Os pesqueiros em lagos artificias também crescem muito e ainda não atingiram todas as regiões do país. Por fim, as pessoas também têm buscado um contato direto com a natureza e a pesca esportiva é um excelente caminho para isso”, finaliza Luciano Trevisan.

Pesca & Companhia Trade Show tem data confirmada para 2023

A Petrel Eventos confirmou a 15ª edição da maior feira de pesca e esportes outdoor da América Latina para o período de 23 a 25 de março de 2023, no Pro Magno Centro de Eventos, em São Paulo (SP). Serão três dias de feira, com funcionamento das 13h às 21h, ocupando espaço de 6.500 m2 do local, que fica na Zona Norte da capital paulista.

O Pesca & Companhia Trade Show reuniu nesta temporada mais de 80 estandes em três dias de feira com mais de 12 mil visitantes. O volume de negócios do evento foi um sucesso e superou R$ 350 milhões. O mercado gera por ano, segundo o Governo Federal, mais de R$ 10 bilhões. 

Com mais de 50% dos expositores já confirmados para 2023, o Pesca & Companhia Trade Show terá os principais players da cadeia produtiva de pesca, tiro esportivo, náutica, turismo e serviços ligados ao segmento e deve ter um crescimento de 30% em sua próxima edição. A feira vai oferecer mais opções de estandes e atividades, como palestras e um campeonato nacional de airsoft.

VAVEL Logo