Berrettini bate Karatsev em Belgrado e volta a celebrar título após quase dois anos
Matteo Berrettini venceu Aslan Karatsev no ATP 250 de Belgrado 2021 (ATP / Divulgação)

Quase dois anos depois de conquistar um título pela última vez, #10 Matteo Berrettini voltou a ser campeão no circuito da ATP neste domingo (25), ao vencer o russo #28 Aslan Karatsev. Por dois sets a um, o italiano sagrou-se vencedor do ATP 250 de Belgrado. A última conquista do italiano havia sido o em Stuttgart 2019.

A partida teve sets bem díspares. No primeiro, o italiano venceu por tranquilos 6/1. Na sequência, o empate do russo veio por 6/3. O último período foi para o tiebreak, mas a vitória no momento decisivo veio por 7-0.

Karatsev, que eliminou Djokovic nas semifinais em quase 3h30, disputou sua segunda final em 2021, mas desta vez saiu com o vice. 

Dois anos depois, a taça

Mais que uma parcial tranquila, o primeiro set da partida, vencido por Berrettini, teve games curtos - cinco deles tiveram seis pontos e foram os maiores da peleja. Por ter quebrado o saque do adversário no quarto e sexto momentos, o italiano venceu por tranquilos 6/1.

O segundo set começou bem diferente do primeiro. Logo no primeiro game em que sacou, o segundo no geral, Berrettini foi rejeitado por Karatsev. No sexto momento, o italiano voltou a ter dificuldades, precisando de oito pontos para confirmar o serviço. No game seguinte, foi o russo quem quase se complicou: ele precisou rejeitar dois break points e de dez pontos para vencer o momento que sacava. No final, vitória do eslavo por 6/3.

Como muitos terceiros sets em partidas com tal limitação de períodos, a decisão começou equilibrada: no segundo game, Karatsev precisou de dez pontos (e passar por um break point) para confirmar o saque. No terceiro e quarto momentos, uma quebra para cada lado. O russo teria mais dificuldade em outros dois momentos: no oitavo, foram oito pontos para vencer; no 12º, catorze - rejeitando um break (e match) point do adversário. 

A competitividade, porém, não se manteve no game desempate. No tiebreak do terceiro set, Berrettini passeou: sem ceder um ponto sequer ao adversário, o italiano conquistou a taça.

VAVEL Logo