Muguruza desperdiça match point e cai para Cornet em Berlim; Samsonova bate Keys

Em jogo muito equilibrado, a #63 Alizé Cornet derrubou a #13 Garbiñe Muguruza nas quartas de finais do WTA 500 de Berlim. Depois de eliminar a #7 Andreescu, a francesa precisou salvar um match point para bater a ex-número 1 do mundo de virada, parciais de 4/6, 6/3 e 7/6(5), em 2h31, nesta sexta-feira (18).

Este foi o quarto confronto entre as duas, e a primeira vitória de Cornet. As duas sofreram apenas duas quebras cada em toda a partida, que só teve seis break points no total - a francesa enfrentou quatro. Um deles foi no décimo game do set final, o que representou um match point, que ela conseguiu salvar.

No tiebreak decisivo, Cornet chegou a abrir 6-1, mas Muguruza não desistiu. A espanhola foi muito arrojada e chegou a salvar quatro match points, mas, no quinto, em um ponto que ela teve o saque, acabou errando um dropshot e saindo derrotada.

Aos 31 anos, Cornet disputará pela primeira vez as semifinais de um torneio na grama. Ela encara agora a #12 Belinda Bencic, que venceu outra partida muito equilibrada sobre a #34 Ekaterina Alexandrova.

Samsonova continua semana incrível

Do outro lado da chave, a qualifier #106 Ludmilla Samsonova derrubou a #28 Madison Keys e também se garantiu nas semifinais. A russa anotou 7/6(4), 2/6 e 7/6(0), em 2h27. Este é a primeira vez na carreira que Samsonova, 22 anos, superou a primeira rodada de uma chave principal de torneios de grama e apenas a segunda vez que ela chega tão longe em qualquer torneio de nível WTA.

Vindo de grande vitória sobre a #4 Sabalenka, Keys foi quebrada apenas uma vez na partida, mas acabou só convertendo 3/11 break points que oportunizou, dois deles no segundo set. Só na parcial final, Samsonova enfrentou oito chances de quebra e teve outras seis oportunidades de rejeitar o saque da rival, mas todos esses bps foram salvos. No tiebreak decisivo, porém, a estadunidense, muito mais experiente, não conseguiu nem um ponto sequer e perdeu por 7-0.

Com a campanha no bett1 Open, Samsonova vai entrar pela primeira vez no top 100 da WTA, no mínimo na 89ª posição. Nas semifinais, ela encara a vencedora do confronto entre a #16 Victoria Azarenka e a #26 Jessica Pegula.

VAVEL Logo