Osasco vira para cima do Barueri e chega na semifinal da Copa Brasil
Foto: Divulgação/Osasco

Osasco vira para cima do Barueri e chega na semifinal da Copa Brasil

Depois de perder o primeiro set, o time osasquense impôs seu jogo sobre as donas da casa, avançando para a próxima fase da competição 

felipesantos
Felipe Santos

Na noite desta terça (22), ocorreu o duelo entre Hinode BarueriOsasco-Audax, válido pelas quartas de final da Copa Brasil. O time do técnico Zé Roberto Guimarães jogou em casa por ter ficado em melhor posição na classificação da Superliga feminina de vôlei. A partida teve altos e baixos e, de virada, Osasco levou a melhor, com parciais de 25/19, 19/25, 21/25 e 20/25, chegando mais uma vez na semifinal da competição.

O jogo

Barueri começou bem o jogo, aplicando 3/0. O primeiro ponto do Osasco veio com Mari Paraíba, 3/1. O time comandado pelo Zé Roberto Guimarães ampliou a vantagem para 9/4 e com uma china de Wal, a equipe osasquense fez 10/7. Com ace de Mari Paraíba o jogo empatou, 11/11. Depois de bom aproveitamento no bloqueio, o time baruense abriu 22/14 no placar. Barrando uma pequena reação do time do Osasco, o Hinode Barueri fechou o primeiro set em 25/19.

Osasco começou o segundo set fazendo 1/4, com três pontos da oposta americana HookerLeyva, no ataque, ampliou a vantagem pra 4/7. Osasco bloqueou e Zé Roberto pediu tempo, 6/11. Hooker estava impossível, mais um ponto dela, 8/14. Mari Paraíba explorou o bloqueio e ampliou a vantagem, 11/18. Barueri encostou no placar e fez 19/23, mas contando com o erro adversário, Osasco-Audax fechou o segundo set em 19/25, empatando a partida. 

O terceiro set começou acirrado, com as opostas de ambos times sendo exigidas e se mantendo uma igualdade no marcador. Com ace de Mari Paraíba, Osasco-Audax abriu 11/13. Com Hooker, o time do Luizomar de Moura fez 15/17. Em bloqueio duplo, Barueri empatou o set em 18/18. Depois de erro da central Thaisa, o jogo seguiu empatado, até que a levantadora Carol, num ace, abriu 20/23, no momento mais importante, que definiu os rumos. Em outro ace, da ponteira Mari Paraíba, o terceiro set ficou em mãos osasquenses, 21/25, virando o jogo.

Osasco começou o quarto set empolgado e rapidamente abriu três pontos de vantagem, 5/8. Barueri encostou em 8/10 no placar e Luizomar de Moura pediu tempo. Após um bloqueio duplo em Leyva, o time do técnico Zé Roberto encostou de vez no placar, 13/14. Em cravada sensacional da inspirada Hooker, Osasco alargou a diferença em 18/21. Mari Paraíba, concluindo um contra-ataque, colocou números finais na partida: 20/25 no quarto set e Osasco mais uma vez na semifinal da Copa Brasil.

Atual campeão da competição e na busca do bi, o time osasquense terá pela frente o Minas Tênis Clube. O jogo acontecerá no dia 1º de fevereiro em Gramado (RS).

VAVEL Logo