Borussia Mönchengladbach arranca vitória no fim diante do Rot-Weiss Essen
Foto: Christof Koepsel | Bongarts

O Borussia Mönchengladbach venceu de virada e com muito esforço o modesto Rot-Weiss Essen,  por 2 a 1. Jonas Hofmann e o brasileiro Raffael garantiram a classificação obrigatória do time para a próxima fase da Copa da Alemanha e evitaram que o clube fosse eliminado pela primeira vez da história por um time da terceira divisão do Campeonato Alemão.

No primeiro tempo, o Borussia deu abertura para o  time da casa, que foram cada vez mais ousados no contra-ataque e foram recompensados. Um mau passe por Ibrahima Traoré lançou deu a Benjamin Baier abrir o marcador com uma cabeçada certeira aos 29 minutos. Traoré aos 33 e Thorgan Hazard aos 38 minutos conseguiram duas boas chances, mas o goleiro Robin Heller salvou.O estádio se transformou em um caldeirão e a liderança do placar permaneceu até o fim do intervalo.

No segundo tempo, os potros resolveram entrar  mais do jogo, mas muito inofensivo. Chegando a etapa final, Traoré  perdeu um gol por alguns centímetros aos 53. Com a entrada de  Hofmann ajudou a mudar o ritmo de jogo do Gladbach. Aos 70 minutos, Stindl enfia a bola com precisão para Hofmann, que chutou rapidamente. Heller conseguiu salvar a primeira tentativa, mas na segunda Hofmann marcou aos 79 minutos. Consequentemente, o Borussia se opôs fortemente. Traoré passe para Hazard e adianta a bola  para Rafael, que, por sua vez vira o jogo aos 83 e sala os potros.

Com início emocionante e equilibrado, Dynamo Dresden derrota Tus  Koblenz

Para esta partida, o Koblenz contou apenas com 600 torcedores. Já que o jogo foi transferido para Zwickau. 350 quilômetros de sua casa - o estádio do TuS, Oberwerth, não está disponível devido a reforma. Mais isso  não tirou o brilho do time, principalmente no primeiro tempo. Mas os 80% da posse de bola para o Dynamo Dresden, garantiram a vitória.

No primeiro tempo, o TuS abriu o placar da partida aos seis minutos. Após uma reposição do meio-campista Dimitrios Popovits, que  levantou a bola para dentro da grande área, onde o atacante Dejan Bozic marcado por dois marcou o primeiro tento. Mas resposta do Dynamos veio prontamente. Erich Berko empatou aos 11 minutos após uma assistência por Sascha Horvath para o clube da segunda divisão. As duas equipes vieram a ter boas chances, mas não conseguiu tanto devido aos bons goleiros. Primeiro, foi Dynamo com o atacante Lucas Röser, que no no minuto 36 um fora da grande área  com boa defesa de Keilmann. Pouco antes do intervalo quase uma virada do marcador - Bozic chuta rasteira e a bola explode na trave.

Na segunda etapa, com apenas quatro minutos de jogo após o reinício, o lateral esquerdo, Philip Heise cobrou uma bela falta e virou o jogo para o Dresden. 2 a 1. Como resultado, o time visitante teve o domínio do jogo dominante, mas perdeu boas chances com Berko e Ajax Aosma. Devido às oportunidades, o jogo poderia estar facilmente 3 a 1. Koblenz não desistiu. A recompensa veio aos 80 minutos, quando Popovits na marca do pênalti arranca o empate: 2 a 2. Mas, como no primeiro tempo, Dresden, voltou rapidamente para o jogo: Heise serve o meio campista Aosman, que  balança as redes aos 84 minutos. E quase o time da casa teria feito mais um, com Andreas Glockner, mas o mesmo  falhou no minuto seguinte.

VAVEL Logo