Primeira vitória de Gattuso: Bonaventura brilha e Milan vence Bologna no San Siro

Primeira vitória de Gattuso: Bonaventura brilha e Milan vence Bologna no San Siro

Rossoneri tiveram problemas com criação de oportunidades, mas garantiram triunfo dentro de casa

gabriel-menezes
Gabriel Menezes
MilanDonnarumma; Abate (Cutrone), Musacchio, Bonucci, Rodríguez; Montolivo, Kessié, Bonaventura; Suso, Borini (Calabria), Kalinic (André Silva).
BolognaMirante; Torosidis, González, Helander, Masina (Petkovic); Donsah, Nagy (Taider), Pulgar; Verdi, Palacio (Okonkwo), Destro.
Placar1-0, min. 10, Bonaventura. 1-1, min. 22, Verdi. 2-1, min. 75, Bonaventura.
ÁRBITROMarco Guida (ITA). Cartões amarelos: nenhum.
INCIDENCIASJogo válido pela 16ª rodada da Serie A, realizado no Estádio San Siro, em Milão.

O Milan sofreu, mas conseguiu vencer o Bologna, neste domingo (10), dentro de casa, com excelente atuação do meio-campista Giacomo Bonaventura. O camisa 5 marcou os dois tentos dos rossoneri e garantiu a vitória no San Siro. O Bologna bem que tentou, principalmente com Simone Verdi, seu principal jogador, mas teve problemas para conter o jogo aéreo milanista e acabou derrotado.

Os donos da casa começaram a partida dando a entender que fariam um jogo avassalador. Pressionando desde o começo, abriu o placar aos 10 minutos, com Bonaventura. No entanto, o Bologna se acertou defensivamente e buscou o empate com belo gol de Simone Verdi. Na segunda etapa, Borini, jogando como ala pela direita, levantou na área e o próprio Bonaventura testou bonito para marcar o segundo.

Com a vitória/derrota/empate, o Milan termina a rodada na sétima colocação, com 24 pontos na Serie A até o momento. O Bologna vem pouco atrás, em nono, com dois pontos a menos. Na próxima rodada, os rossoneri enfrentarão o Hellas Verona, em Verona, no domingo (17). Enquanto isso, o Bologna recebe a Juventus, terceira colocada, na mesma data. 

Milan aproveita Bologna 'bagunçado', sai na frente, mas cede empate

O Milan assustou logo no começo, quando cruzamento de Abate complicou o goleiro Mirante, que não saiu do gol e foi salvo por Torosidis, que tocou pela linha de fundo antes da chegada do atacante rossonero. E não demorou para que o placar fosse aberto. Em lançamento de Abate, Kalinic subiu mais que o zagueiro e escorou perfeitamente para Bonaventura chutar de bate-pronto. A bola desviou na defesa e matou o goleiro Mirante, que não conseguiu fazer a defesa.

Parecia que só uma equipe havia entrado em campo. Os donos da casa não tomaram conhecimento do Bologna, mantinham a posse de bola e praticamente não davam espaços ao Bologna, que tinha problemas até para passar do meio-campo com a bola dominada. Em erro na saída de bola, Suso entrou driblando na área, mas tentou o passe, errou e perdeu grande oportunidade de ampliar. O erro quase custou caro quando Destro recebeu dentro da área, girou bonito, mas na hora do chute acabou travado perfeitamente por Montolivo. No escanteio, Verdi bateu com muito efeito e quase fez um golaço olímpico, mas Donnarumma fez grande defesa.

O bom momento da equipe da Sardenha acabou recompensado aos 22, quando Destro driblou pela esquerda, rolou para Verdi e o camisa 9 bateu com estilo, no ângulo, sem chances para o goleiro milanista. O Milan tentou responder com Kessié, que recebeu bom passe de calcanhar de Kalinic, deu o tapa na frente e acionou o “modo Usain Bolt”, ganhando de todos na velocidade e chutando no cantinho, mas Mirante caiu e fez boa defesa.

A equipe rossonera mostrava muito pouca criatividade e, depois que viu o Bologna acertar seu sistema defensivo, tinha problemas para quebrar as linhas de defesa adversárias. Ainda assim, na reta final da primeira etapa, Kessié conseguiu bom passe para Bonaventura, mas Torosidis conseguiu evitar a conclusão do italiano. A melhor oportunidade veio com Bonucci, pelo alto, em cobrança de escanteio. O capitão cabeceou com muito estilo, mas a bola passou por cima do travessão, tirando tinta. Mas quase deu tempo para que o Bologna virasse em um lance bizarro: Palacio fez bela ultrapassagem pela esquerda, cruzou na área e Donnarumma saiu do gol, mas trombou com Bonucci e por muito pouco a bola não foi morrer dentro do gol.

Bonaventura volta a marcar e Gattuso consegue primeiro triunfo no comando do Milan

A segunda etapa teve muito pouco movimento nos seus primeiros 15 minutos. Ainda sem criatividade, o Milan sofria para encontrar espaços, mas o Bologna, apesar de ter chegado bem em uma oportunidade, sempre com Verdi, também não conseguia obrigar Donnarumma a trabalhar. O time da casa acabou chegando pela primeira vez com uma finalização de muito longe de Bonucci, que saiu por cima.

O principal jogador do Milan seguia sendo o espanhol Suso, que tentava comandar as ações ofensivas da equipe. Pela direita, o ponta cortou para o meio e bateu colocado, mas Mirante só precisou acompanhar a redonda até a linha de fundo. Por volta dos 30 minutos, os rossoneri chegaram bem e pularam na frente do marcador novamente. Borini cruzou pela direita e Bonaventura subiu bonito, cabeceando quase na pequena área para marcar o segundo dele no jogo.

Nos minutos seguintes, o Bologna não marcou por muito pouco com Adam Masina, que chutou de longe, viu a bola desviar e carimbar o travessão, quando Donnarumma já havia sido batido. Sem muitos problemas depois disso, o Milan segurou o resultado de forma inteligente por mais 15 minutos e garantiu mais três pontos na tabela.

VAVEL Logo