Decepcionado,
Solskjaer lamenta derrota do Manchester United na final da Europa League: “Não
criamos grandes chances o suficiente” 
Foto: Reprodução/MUTV 

O Manchester United tentou faturar o segundo título da Uefa Europa League para aumentar a extensa galeria de títulos nesta quarta-feira (26), em final realizada na Gdansk Arena, na Polônia, mas o goleiro De Gea não foi bem sucedido em sua cobrança de pênalti, após incríveis 21 chutes ao todo, e passou a vez para o Villarreal ser campeão inédito da competição europeia.

No tempo normal, a partida terminou empatada em 1 a 1, com gol de Gerard Moreno na primeira etapa para os espanhóis, enquanto Cavani empatou para os ingleses no segundo tempo. Na prorrogação, o placar não sofreu alteração e o confronto foi decidido nos pênaltis.

Em entrevista pós-jogo à BT Sport, o técnico dos Red Devils, Ole Gunnar Solskjaer, comentou suas impressões da grande final.

“Nós não aparecemos. Não jogamos tão bem como sabemos que podemos jogar. Começamos bem, mas eles conseguiram o gol, o único chute que tinham no alvo e marcaram. Fiquei desapontado por termos sofrido um gol novamente em bola parada. Pressionamos, pressionamos, mas depois de marcarmos, não conseguimos controlar o jogo e dominar tão bem quanto queríamos. Isso, às vezes, é futebol. Eles dificultaram as coisas para nós e fecharam os espaços. Nós tínhamos a maioria da posse de bola e eles se defenderam bem. Não criamos grandes chances o suficiente”.

O treinador complementou: “Agora não é o momento de apontar o dedo para o que eu teria feito de diferente, mas quando você sai sem troféu, não fez tudo certo. Estamos cada vez mais próximos e melhores. Hoje estávamos próximos de ter o troféu e ter uma boa noite. Porém, temos que ter o desejo de voltar no próximo ano, de melhorar e ficar melhor, e isso será sobre as margens. A única maneira de ter as margens do seu lado é trabalhar mais e melhor”.

Sobre De Gea, o norueguês respondeu: “Ele está tão desapontado quanto todos nós, mas isso é futebol. Às vezes você é o herói, às vezes não funciona para você. Tenho certeza de que ele vai sobreviver a isso [pênalti perdido]”.

Por fim, Solskjaer ressaltou o quanto foi dolorosa a derrota, mas que o momento servirá de aprendizado para toda a equipe, além do desejo de continuar melhorando o trabalho para a próxima temporada.

“Você tem que ser forte. Você tem que aprender com o fracasso. Você tem que aprender com o desapontamento, porque é uma lição. É uma lição de que não estamos ainda onde queremos estar. Ainda não estamos na qualidade que queremos estar. Vamos embora agora. Alguns [jogadores] terão que disputar a Euro, outros terão as férias. A única coisa definitiva é que todos têm que voltar com o desejo de melhorar e tenho certeza de que terão este sentimento por alguns dias e voltarão mais fortes”, finalizou.

VAVEL Logo