Sevilla não sai do zero contra Mallorca e fica mais longe do vice-campeonato
Divulgação / Sevilla

O Sevilla ficou no 0 a 0 contra o Mallorca no Estádio Ramón Sanchez Pizjuán e fica cada vez mais distante do vice líder Barcelona. Em um jogo movimentado na última quarta-feira (11), os Rojiblancos até criam chances de abrir o placar, mas para na defesa do adversário e na falta de pontaria, com isso ficando no zero. 

Com o resultado final, os donos da casa se mantém na quarta posição com 66 pontos. Já o clube da cidade de Palma fica em uma situação bastante complicada na zona de rebaixamento, há dois pontos do Cádiz, o primeiro time fora do Z-4.

  • Sevilla melhor no primeiro tempo

A partida começou com um certo equilíbrio nas chances, só que com os donos da casa melhor, mas quem finalizou primeiro foi o Mallorca. Logo aos três minutos, Antônio Sanchez pegou de primeira e mandou por cima. O Sevilla respondeu com Rafa Mir, ele aproveitou um cruzamento de Acuña e de peixinho mandou perto da trave.

Os Rojiblancos continuaram em cima e teve a melhor chance da primeira etapa. Em um escanteio cobrado na direita, Mir de novo tocou para o gol e a defesa adversária tirou em cima da linha. O Mallorca só chegava no contra ataque, em um desses quase que abria o placar, Muriqui partiu rápido no meio e tocou para o Battaglia que tentou colocado, mas  Bounou espalmou para fora. O time da casa ainda tentou marcar, mas o placar ficou igual no primeiro tempo. 

  • Sevilla perde um caminhão de gols e o placar fica no zero

Na volta do intervalo o jogo ficou mais morno e com as duas equipes tendo dificuldade de criar chances, somente a partir do 11 minutos que o Sevilla voltou a pressionar e na bola parada. Em jogada ensaiada, Diego Carlos arriscou de longe e o goleiro Manolo Reina defendeu sem problemas. Vendo que o Sevilla estava com dificuldades de marcar, o Mallorca também aventurou no ataque. Em um arremesso lateral de Oliván, Muriqui subiu mais que a defesa e cabeceou para Bounou espalmar para escanteio. 

O Sevilla tentou uma pressão nos acréscimos com Martial, que recebeu na direita e levou para área, só que Reina fechou as redes. Parece que o dia não era mesmo dos donos da casa, pois faltando um minuto para terminar Catito Corona cruzou para área e Reina novamente fez uma espetacular defesa com uma das mãos, evitando a abertura do marcador e frustando os torcedores presente no Ramón Sanchez, terminando com o placar zerado. 

  • Próximos jogos 

Agora o Sevilla terá um confronto direto pela terceira posição no próximo domingo (15) contra o Atlético de Madrid, no Wanda Metropolitano. Enquanto no mesmo dia o Mallorca pega o Rayo Vallecano, em casa, para tentar sair da zona de rebaixamento.  

VAVEL Logo