David Silva brilha e comanda goleada da Espanha sobre a Costa Rica

Meia do City marca dois, dá uma assistência e é o destaque em mais uma goleada da Fúria

David Silva brilha e comanda goleada da Espanha sobre a Costa Rica
Foto: Jorge Guerrero/AFP/Getty Images
Espanha
5 0
Costa Rica
Espanha: Kepa; Odriozola, Piqué (Bartra, intervalo), Ramos (Nacho, intervalo) e Alba; Busquets (Saúl, intervalo), Thiago e Iniesta (Luis Alberto, Min. 74); Isco (Asensio, Min. 65), Morata (Aspas, intervalo) e Silva. técnico: Julen Lopetegui
Costa Rica: Carvajal; Gamboa, Waston (Gutierrez, Min. 63), Duarte (González, Min. 56), Calvo e Oviedo (Matarrita, Min. 66); Bolãnos (Wallace, Min. 60), Borges, Tejeda e Venegas (Rodriguez, Min. 75); Ureña (Ortiz, Min. 56). técnico: Óscar Ramirez
Placar: 1-0, Alba, Min. 6; 2-0, Morata, Min. 23; 3-0, Silva, Min. 51; 4-0, Silva, Min. 55; 5-0, Iniesta, Min. 73
ÁRBITRO: Anastasios Sidiropoulos (GRE); Waston (Min. 62), Thiago (Min. 67)
INCIDENCIAS: amistoso internacional realizado no estádio La Rosaleda, em Málaga, Espanha

Espanha continua dando um show por onde passa. Nesta sábado (11), a vítima da vez foi a Costa Rica, em amistoso realizado no estádio La Rosaleda, em Málaga. Completamente superior do início ao fim, La Roja venceu os costarriquenhos sem nenhum susto por 5 a 0, com gols de AlbaMorataSilva, duas vezes, e Iniesta.

As duas seleções retornam aos gramados na próxima terça-feira (14), ambas as ocasiões em amistosos. A Espanha viaja até o país da próxima Copa para encaraer a Rússia, às 16h45 (de Brasília). Às 17h15 (de Brasília), a Costa Rica visita a Hungria.

Espanha domina e abre dois de vantagem

Alba foi às redes logo cedo | Foto: Cristina Quicler/Getty Images
Alba foi às redes logo cedo | Foto: Cristina Quicler/Getty Images

Superior tecnicamente, a Espanha começou dominando as ações do confronto no La Rosaleda, tanto que conseguiu marcar com um pouco mais de cinco minutos jogados, quando David Silva recebeu na direita, cruzou, a bola passou por toda a área sem ninguém tocar nela, Jordi Alba apareceu de surpresa na segunda trave e finalizou cruzado, com força, sem chances para Carvajal: 1 a 0 Espanha.

A partida permaneceu da mesma forma após o gol, com a Espanha completamente dominante e chegando com bastante facilidade. E na metade do segundo tempo, a Fúria ampliou sua vantagem, e da forma como se acostumou a jogar. Após linda troca de passes, Silva tabelou com Iniesta, cruzou rasteiro, Carvajal deu rebote e Morata, como um legítimo centroavante, mandou para o gol: 2 a 0 Espanha.

Era um verdadeiro massacre espanhol em Málaga, que chegava como queria à meta costarriquenha. Aos 35', quase que Isco marcou, quando o meia do Real Madrid cobrou falta e Carvajal fez bonita defesa. Depois foi a vez do meia dar ótimo passe para Morata, que saiu cara a cara com Carvajal, finalizou, mas o arqueiro fechou bem o ângulo e defendeu. Mesmo finalizando muito, a Espanha só marcou duas vezes.

"Carecas" marcam e transformaram vitória em goleada

Silva e Iniesta foram os destaques da segunda etapa | Foto: Jorge Guerrero/AFP/Getty Images
Silva e Iniesta foram os destaques da segunda etapa | Foto: Jorge Guerrero/AFP/Getty Images

O segundo tempo começou e nada mudou. Os donos da casa seguiam dando um show, com um futebol vistoso e eficiente. E essa qualidade levou a Espanha a mais um gol logo no início do tempo, quando Iniesta tentou o passe, a defesa dos visitantes bateu cabeça e a bola sobrou na área para David Silva, que finalizou cruzado e deixou o dele: 3 a 0 Espanha.

E não demorou muito para La Roja aproveitar o ótimo momento para transformar a vitória em goleada, e mais uma vez com David Silva. Quatro minutos após o terceiro gol, o meia do Manchester City roubou a bola de Oviedo na direita, invadiu a área como quis e finalizou cruzado, de canhota, marcando mais um: 4 a 0 Espanha. Atuação impecável.

Jogando com tranquilidade e, de certo modo, por "prazer", a Espanha seguia envolvendo os costarriquenhos, tanto que chegou a mais um gol. Aos 28', Iniesta recebeu de Bartra no meio de campo, avançou como quis, sem ninguém o incomodar, até a entrada da área, arriscou e Carvajal deu uma pequena aceitada: 5 a 0 Espanha.

Na parte final da partida, os donos da casa deram uma acalmada nos ânimos, apenas trocando passes. Por outro lado, a Costa Rica até tentou marcar, mas sem força alguma e, repetindo, mais fraca tecnicamente, os visitantes não conseguiram marcar e a Espanha confirmou a vitória.