Zebras: terceira rodada da Copa do Rei é marcada por 'sucesso' dos times menores

Quatro times entre segunda e terceira divisão eliminaram equipes da La Liga na terceira rodada, surpreendendo a todos e fazendo história

Zebras: terceira rodada da Copa do Rei é marcada por 'sucesso' dos times menores
Cádiz foi uma das grandes surpresas, eliminando o Bétis fora de casa | Foto: Divulgação/La Liga

Um dos "charmes" das copas nacionais é a chance de um time "pequeno" eliminar um grande e surpreender o mundo. Aos fãs disso, a terceira rodada da Copa do Rei foi um prato recheado. Quatro equipes, juntando a Liga 1|2|3 (segunda divisão) e a Segunda Division B (terceira divisão), se classificaram contra times da La Liga. Além deles, outros dois times quase complicaram a vida de outros grandes, sendo um deles o poderoso Real Madrid.

As zebras

Numancia foi o primeiro a aprontar na rodada | Foto: Divulgação/La Liga
Numancia foi o primeiro a aprontar na rodada | Foto: Divulgação/La Liga

Começamos falando da única equipe da segunda divisão classificada para as oitavas de final. O Numancia, equipe que já jogou a primeira divisão neste século mesmo, surpreendeu a todos e eliminou o pobre Málaga, que faz uma temporada desastrosa, brigando para não cair. No jogo de ida, em Numancia, os donos da casa venceram por 2 a 1. Na volta, em La Rosaleda, um empate por 1 a 1 garantiu a vaga dos Numantinos.

Agora é a vez de falar do completo vexame dos dois maiores clubes do país basco. Primeiro a Real Sociedad, que recebeu o modesto Lleida, da região da Catalunha, que foi fundado em 2011. Após vencer na ida, na Catalunha, por 1 a 0, a Erreala foi um pouco "acomodada" para a partida, mas até conseguiu abrir 2 a 0 com Llorente Juanmi em casa, no primeiro tempo, o que parecia já ter selado sua classificação. Só parecia.

Muita comemoração após uma virada espetacular | Foto: Divulgação/La Liga
Muita comemoração após uma virada espetacular | Foto: Divulgação/La Liga

A equipe catalã voltou para a segunda etapa com outra cara, com um ânimo maior e vendo que não tinha o que perder, tanto que se lançou completamente ao ataque. E essa estratégia deu muito certo, tanto que com 15 minutos na segunda etapa o jogo já estava empatado. Já no final do jogo, um gol de Radulovic classificou o Lleida para as oitavas. Uma vitória completamente espetacular em pleno país basco.

Mas o vexame das equipes daquela região não por aí. Assim como seu rival Sociedad, o Athletic Bilbao tinha a vantagem no jogo de volta, pois havia empatado fora com o SD Formentera por 1 a 1, podendo empatar até sem gols no San Mamés para se classificar. Atuando com uma equipe mista, Los Leones até conseguiram manter sua estratégia, mas apenas até o último minuto do jogo, quando Álvaro Muñiz, aos 51' do segundo tempo, marcou o gol da classificação mágica do Formentera.

Classificação do Formentera foi histórica e literalmente no último minuto | Foto: Divulgação/La Liga
Classificação do Formentera foi histórica e literalmente no último minuto | Foto: Divulgação/La Liga

Agora é hora de falar do jogo mais espetacular da terceira rodada. Após vencer por 2 a 1 fora de casa, o Real Bétis pode perder por até 1 a 0 no Benito Villamarín para se classificar contra o Cádiz... mas não foi bem assim. Agressivo desde o início, os visitantes nunca estiveram atrás do placar, além de jogar para frente e pressionando desde o primeiro minuto, mostrando uma atitude de time grande.

E isso resultou num jogo simplesmente sensacional e legal de assistir, terminando em um 5 a 3 para os visitantes, que calaram todos os presentes em Sevilha. O destaque da partida foi Dani Romera, que marcou duas vezes. A última zebra da terceira rodada foi uma equipe agressiva e surpreendente.

Aitor García comemora seu gol com os companheiros | Foto: Divulgação/La Liga
Aitor García comemora seu gol com os companheiros | Foto: Divulgação/La Liga

Deram trabalho

Agora é hora de falar das equipes que quase conseguiram repetir o feito das quatro de cima. Primeiro vamos falar do Fuenlabrada, equipe que apareceu ao mundo nesta semana como o time que quase derrotou o todo poderoso Real Madrid.

Modesto Fuenlabrada deu muito trabalho para a molecada merengue
Modesto Fuenlabrada deu muito trabalho para a molecada merengue

Os merengues foram vitoriosos na ida, fora de casa, quando venceram por 2 a 0. Com uma equipe bem alternativa, com, inclusive, três jogadores do Real Madrid Castilla como titulares, os merengues sofreram, tanto que saíram perdendo, alcançaram a virada, mas ainda sofreram o empate. Quase que o Fuenlabrada conseguiu a maior zebra da história futebol espanhol, pois, em tese, jogou melhor e podia ter vencido.

Por fim, é hora de falar da outra quase zebra: Tenerife. A equipe as ilhas canárias quase se juntou ao grupo de zebras. Após um empate em casa por 0 a 0, a equipe da segunda divisão saiu na frente na volta contra o Espanyol, mas acabou sofrendo a virada e marcando no fim para dar ainda mais emoção, mas acabou sendo derrotado por 3 a 2. Mesmo assim, quase que o Tenerife aprontou para a equipe catalã.

Tenerife bem que tentou, mas não conseguiu surpreender | Foto: Divulgação/La Liga
Tenerife bem que tentou, mas não conseguiu surpreender | Foto: Divulgação/La Liga