Com cinco meses de PSG, Neymar se aproxima de melhor média de gols da carreira

Craque brasileiro igualou marca da última temporada pelo Barcelona

Com cinco meses de PSG, Neymar se aproxima de melhor média de gols da carreira
Foto: Jean Catuffe/Getty Images

Na última quarta-feira (10), o Paris Saint-Germain superou o Amiens, por 2 a 0, em partida válida pelas quartas de final Copa da Liga Francesa. Cobrando pênalti, Neymar abriu o placar para o time parisiense, enquanto Rabiot ampliou o marcador e deu números finais ao duelo. Com o tento marcado, o craque brasileiro chegou ao seu 20º no PSG, tendo disputado apenas 22 jogos. Este é o mesmo número alcançado pelo camisa 10 na temporada 2016/17, quando atuou em 45 partidas pelo Barcelona.

No entanto, não é apenas o número de gols de Neymar que impressiona. A importância do atleta para o PSG fica evidente quando são analisadas as assistências para seus companheiros. Foram 12 passes para gol no total nas quatro competições em que o jogador entrou em campo pelo time de Paris. Apenas seis partidas não tiveram participação efetiva do camisa 10.

Em seu quinto ano no Velho Continente, Neymar se encaminha para superar os números da temporada 2014/15, quando disputou 51 partidas e balançou as redes em 39 oportunidades. Já a temporada com o maior número de assistências acabou a de sua despedida: 2016/17, com 21 passes decisivos. Foi a única no Barcelona em que o atleta teve mais assistências do que gols (21 x 20).

+ Neymar explica comemoração com chuteira na cabeça após vitória do PSG

 No total, Neymar jogou 186 vezes com a camisa do clube catalão, foi às redes em 105 oportunidades (média de 0,56 por jogo) e contribuiu com 59 assistências. Com apenas cinco meses de PSG, a média do atacante é de 0,9 por partida. Neymar pode ainda fazer mais 33 jogos na temporada pela equipe de Paris, caso atue nas próximas 19 rodadas do Campeonato Francês, e o PSG chegue às finais da Uefa Champions League, Copa da França e Copa da Liga Francesa.

Se mantiver a média, o craque brasileiro poderá até mesmo suplantar a marca atingida em 2012, no Santos, ano em que viveu sua temporada mais artilheira, com 43 gols em 47 jogos (0,91por jogo).

O próximo desafio do Paris Saint-Germain é pelo Campeonato Francês, no domingo (14), às 18h (de Brasília), diante do Nantes no estádio La Beaujoire, em Nantes.