River Plate e Flamengo disputam primeiro lugar do Grupo 4 da Libertadores em Buenos Aires

Quem vencer garante primeira colocação do Grupo 4; Empate favorece os argentinos

River Plate e Flamengo disputam primeiro lugar do Grupo 4 da Libertadores em Buenos Aires
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo
River Plate
Flamengo
River Plate: Armani; Mayada, Maidana, Pinola, Saracchi; Ponzio, Ignacio Fernandez, Ezequiel, Enzo Pérez; Scocco, Pratto.
Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Léo Duarte, Rhodolfo, Renê; Cuéllar, L. Paquetá, Jean Lucas; E. Ribeiro, Vinícius Jr., Henrique Dourado.
ÁRBITRO: O trio de arbitragem é uruguaio. Andrés Cunha apita o jogo, auxiliado por Maurício Espinosa e Nicolas Taran.
INCIDENCIAS: Partida válida pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores; Grupo 4. Será disputada às 21h45 (horário de Brasília), no Munumental de Nuñez, Buenos Aires, Argentina.

Nesta quarta-feira (23), às 21h45, no Monumental de Nuñez, River Plate e Flamengo - já classificados - fazem a última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Em primeiro, o time argentino precisa somente do empate para permanecer na posição, enquanto para a equipe carioca só resta uma vitória. 

Na rodada passada, o River Plate visitou o Santa Fé (COL) e voltou para a Argentina com os três pontos e a classificação garantida para as oitavas de final. O Flamengo também venceu e se classificou. Aplicou 2 a 0 no Emelec (EQU), no Maracanã. A equipe brasileira está com 9 pontos na segunda colocação, enquanto o time argentino lidera com 11. 

O histórico de confrontos é favorável ao time da capital argentina. São cinco vitórias para os Millionarios, quatro para o rubro-negro carioca e dois empates. O último duelo foi válido pela primeira rodada do Grupo 4, no qual terminou empatado em 2 a 2, no Estádio Nilton Santos.

Hora de mostrar força do elenco

Maurício Barbieri terá desfalques importantes para a partida. Sem Réver, Juan, Geuvânio (lesionados) e Diego (suspenso), o treinador deve colocar entre os onze, o que considera de melhor no elenco. Na última partida, o rubro-negro enfrentou o Vasco pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. A partida terminou empatada em 1 a 1. Vinícius Jr. marcou para o Flamengo; Wagner empatou a partida.

O treinador terá que contar com jogadores do banco de reserva para as próximas duas partidas - River Plate e Atlético-Mg -, que serão decisivas. Em entrevista coletiva, o zagueiro Rhodolfo comentou sobre a dificuldade da partida, mas fez questão de destacar a classificação antecipada e o peso que a camisa do Flamengo impõe.

"Pressão sempre vai ter. Em qualquer competição que o Flamengo entrar, entra para brigar por título. Sentimos que era nossa obrigação classificar. Pelos nossos torcedores, pelo grupo e também pelo peso dessa camisa do Flamengo. Conseguimos a classificação e o objetivo agora é buscar o primeiro lugar do grupo."

O camisa 44 falou também sobre a disputa por posição na zaga, fazendo questão de elogiar o companheiro de posição, Léo Duarte

"O Flamengo tem zagueiros de qualidade. Não chegaram aqui por acaso. São novos, mas Léo e Thuler são excelentes. De seis jogos, o Léo ficou quatro partidas sem levar gol, isso dá moral. O Léo nos escuta muito e tenho certeza que será um grande zagueiro." 

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

River Plate também terá desfalques para o duelo contra o Flamengo

Marcelo Gallardo, um dos responsáveis pelo sucesso do time argentino nos últimos anos, terá uma leve dor de cabeça para montar a sua equipe titular para enfrentar o Flamengo, nesta quarta-feira, dentro de casa. 

Entre as principais ausências, estão: o camisa 10 Martínez (lesionado) e o meia colombiano Quintero, que se juntou à Seleção Colombiana para a disputa da Copa do Mundo na Rússia, no próximo mês. Segundo o jornal argentino Olé, o treinador deverá escalar Ezequiel Palacios e ‘Nacho’ Fernández para substituí-los. 

Entretanto, a "hinchada" dos Millionarios terá um motivo para ficar feliz. O goleiro Armani, convocado por Jorge Sampaoli para defender as cores albicelestes, irá para o jogo. Podendo se apresentar à Seleção após a partida contra o rubro-negro carioca. 

A última partida feita pelo River foi no dia 14/5, quando recebeu o San Lorenzo e conquistou a vitória por 2 a 0. Gols de Ignacio Fernandez e Rafael Santos Borré. Os Millionarios ocupam a oitava colocação do Campeonato Argentino, com 45 pontos somados.

Foto: Getty Images Sport / Gabriel Rossi
Foto: Getty Images Sport / Gabriel Rossi