De virada, Campinense perde para o ASA e se complica na Série D
Foto: divulgação/ASA de Arapiraca

De virada, Campinense perde para o ASA e se complica na Série D

Gols da partida foram marcados no primeiro tempo; equipes voltam a se enfrentam na próxima rodada

rafaelalvesgomes
Rafael Alves

O ASA venceu, na tarde deste sábado (18), o Campinense no estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, pela terceira rodada da Série D. A equipe paraibana abriu o placar com Erivan, mas Luís Eduardo e Thauan viraram o jogo para o Fantasma.

Com o resultado, a equipe alagoana ultrapassa a Raposa na classificação do Grupo A7 e assume a vice-liderança, somando os mesmo seis pontos da Jacuipense-BA, que ainda joga na rodada. No próximo domingo (26), o confronto com o Campinense acontece no estádio Amigão, em Campina Grande.

Já o time Rubro-Negro, por sua vez, acumulou a terceira derrota seguida, sendo a segunda pelo Campeonato Brasileiro. Agora, o Campinense ocupa a terceira colocação da chave e precisa vencer o ASA, no próximo final de semana, para voltar a brigar pela classificação.

Gols e virada alvinegra

A partida começou bastante movimentada. O Campinense surpreendeu, apresentou mais volume de jogo e logo chegou ao gol. Após cruzamento na área, Warlei raspou de cabeça e Erivan aproveitou para abrir o placar.

Com a torcida pressionando, o ASA cresceu e empatou. Marcelo cobrou escanteio na primeira trave. Bem posicionado, Luís Eduardo cabeceou firme, sem chances de defesa para Wagner Coradin.

No último lance do primeiro tempo, a equipe da casa conseguiu a virada. Júnior invadiu a área pelo lado direito e tocou para Thauan, que não desperdiçou e colocou o Fantasma na frente.

Poucas chances e queda de produção

Ambas as equipes não apresentaram um bom desempenho na segunda etapa. O reflexo disso foram as poucas chances de gols criadas por ASA e Campinense. Quando chegavam, os times não levavam perigo a Wagner Coradin e Marcão.

O ASA ainda assustou aos 22 minutos, quando Elivélton cruzou e Thauan, totalmente livre na pequena área, perde um gol incrível e desperdiça a chance de consolidar a vitória Alvinegra.

Mesmo apático em campo, o Campinense ainda chegou ao ataque antes do apito final. Gustavo lançou Ferreira pelo lado direito e o volante arriscou o chute, mas Marcão fez a defesa e garantiu o triunfo do ASA. 

VAVEL Logo