Com a vantagem mínima, Inter recebe Cruzeiro no Beira-Rio visando decisão da Copa do Brasil
Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Com a vantagem mínima, Inter recebe Cruzeiro no Beira-Rio visando decisão da Copa do Brasil

Sem o critério do gol fora de casa na Copa do Brasil, um único gol à favor da Raposa levaria a partida para os pênaltis; colorados pregam cautela e falam em placar aberto

gabriel_oandrea
Gabriel Andrea

áA espera está prestes a acabar para Internacional e Cruzeiro na Copa Brasil. Após praticamente um mês de ansiedade depois do primeiro confronto no Mineirão válido pela fase semifinal do torneio, os times agora jogam no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), nesta quarta-feira (4), às 21h30 (de Brasília) — para ver quem chega à final da competição. Edenílson foi o autor do único gol que coloca o time da casa em vantagem para o segundo jogo antes da finalíssima da competição de mata-mata.

O Inter necessita apenas de um empate para avançar para a final da Copa do Brasil 2019 e sagrar-se bicampeão do torneio nacional. Em caso de vitória do time celeste por um gol de diferença, o jogo irá para as penalidades máximas — já que no torneio não há a vantagem por gols fora de casa. O Cruzeiro, por sua vez, quem o terceiro título seguido do torneio que é hexacampeão.

Internacional

Às vésperas da partida, o treinador colorado Odair Hellmann fez de tudo para deixar o time que vai entrar em campo para encarar o Cruzeiro o mais imprevisível possível. Mesmo com todo o suspense, é bem provável que Nico López comece o jogo entre os titulares no lugar de Rafael Sóbis (ex-Cruzeiro) e seja uma novidade na equipe gaúcha. Além do meia uruguaio, o argentino D'Alessandro e o lateral-direito Bruno devem começar a partida nesta quarta. Em contrapartida, Dourado, Natanael, Galdezani e Wellington seguem sem condições de jogo.

Mesmo com a vantagem mínima no placar construída no Mineirão, o volante Patrick, que vive grande fase, comentou sobre o jogo:

"Tem que jogar para vencer. Temos a vantagem do empate, mas temos que jogar para vencer a partida. E o jogo é na nossa casa. Temos mostrado nossa força nas competições. Temos que ter inteligência para jogar durante os 90 minutos", disse o volante colorado.

Provável escalação do Inter: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta, Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Patrick, D'Alessandro, Nico López; Paolo Guerrero.

Cruzeiro

Do lado do Cruzeiro, que fez seus últimos treinamentos antes da partida no CT do Grêmio, a grande baixa de momento fica por conta de Dedé, que fez apenas trabalhos na fisioterapia durante o treino celeste de terça-feira. Mesmo com a ausência do camisa 26 na última sessão de treinamento, não é certo que o zagueiro não terá condições para a partida.

Se Dedé não é certeza para o jogo, Léo deve retornar à equipe titular contra o Internacional mesmo após três jogos fora de combate tratando uma lesão. A outra ausência no time azul fica por conta do lateral Orejuela, fora com a seleção colombiana nos Estados Unidos. Desta forma, Edílson ocupará o lado direito da defesa celeste. 

Apesar do revés no primeiro jogo, o técnico Rogério Ceni tenta enxergar o caminho do Cruzeiro para ter sucesso no confronto: "O Inter é favorito. Não temos que carregar peso, temos que ir tranquilos, jogar solto e colocar a bola no chão", disse o ex-goleiro.

Provável escalação do Cruzeiro: Fábio; Edilson, Dedé (Fabrício Bruno), Léo e Dodô; Henrique e Robinho; Marquinhos Gabriel, Thiago Neves e David; Pedro Rocha.

Arbitragem

Colorado x Raposa terá o apito de Flávio Rodrigues de Souza (SP), assistido por Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e por Fabrício Vilarinho da Silva (GO). O dono do VAR será o paulista Rodrigo Guarizo Ferreira de Amaral.

VAVEL Logo
CHAT