Fortaleza abre boa vantagem no início, atropela Athletico e assume vice-liderança
Bruno Oliveira/Fortaleza

Com um início arrasador, o Fortaleza deixou a derrota dura sofrida na Copa do Brasil para trás e não tomou conhecimento do Athletico-PR e venceu por 3 a 0 na Arena Castelão, pela 28ª rodada do Brasileirão 2021, neste sábado (23). O Furacão poupou alguns titulares e por isso sofreu na partida. Os gols foram de Lucas Lima e Yago Pikachu no primeiro tempo; Robson fechou o placar no segundo tempo.

Leão arrasador

O jogo mal começou e o Fortaleza foi logo pressionando o Athletico no seu campo de defesa, com uma blitz no primeiro minuto, Lucas Lima soltou uma bomba quase sem ângulo para abrir o placar e se redimir com a torcida.

Aos sete, Yago Pikachu recebeu na direita e de fora da área marcou um golaço, ampliando com menos de dez minutos de jogo. Ele, porém, acabou saindo no final do primeiro tempo com uma fratura no braço e foi substituído por Lucas Crispim

No segundo tempo, o Leão administrou a vantagem, mas sempre com superioridade no jogo. O Athletico pouco fez na partida - mesmo assim quando chegava parava no Marcelo Boeck, que foi muito seguro e com boas defesas.

Mas o Leão estava inspirado. Aos 16, Lucas Lima, o melhor do jogo, cruzou da esquerda e encontrou o Robson que cabeceou e fechou o placar. Houve mais um momento de preocupação para a torcida tricolor, já que Lucas Crispim, que entrou na vaga de Pikachu, também se lesionou. Apesar dos problemas de lesão, a vaga na Libertadores cada vez mais perto para o Fortaleza.

O que vem por aí

Com o resultado o Tricolor dorme em segundo e precisa torcer contra o Palmeiras, que recebe o Sport em casa. Já o Rubro Negro paranaense se mantém caiu uma posição e fica em 11°, longe da vaga direta para a Libertadores.

Os dois times voltam a campo nas semifinais da Copa do Brasil nesta quarta-feira (27), às 21h30. O Fortaleza tenta reverter uma derrota enorme sofrida para o Atlético-MG por 4 a 0 no jogo de ida. Já o Athletico visita o Flamengo após o 2 a 2 em Curitiba.

VAVEL Logo