Juventude e Corinthians abrem a rodada do Brasileirão com empate em jogo movimentado
Fernando Alves/EC Juventude

Nesta terça-feira (4), o Juventude recebeu o Corinthians em partida válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida terminou em 2 a 2, com gols de Giuliano, Óscar Ruiz, Yuri Alberto e Pitta.

Juventude brigando por pontos

Com a demissão de Umberto Louzer um dia antes do jogo, o auxiliar técnico da casa assumiu a equipe, Lucas Zanella. Agora, a equipe Jaconera busca uma comissão que possa salvar do mais do que provável rebaixamento.

Segundo o Departamento de Matemática da UFMG, o time tem 99,70% de chance de rebaixamento.

Timão na frente

Foi um primeiro tempo morno, sem muitas expectativas e jogadas com perigo. O Juventude iniciou a partida pressionando, buscando a chance de sair na frente já nos primeiros minutos. Com a zaga corintiana tendo algumas falhas, o ataque jaconero buscava espaço para marcar, mas sempre acabava errando nas finalizações e não fez nada acontecer.

Aos 9, Jadson, com um passe perfeito nos pés de Rafinha, que ficou cara a cara com o gol. O camisa 30 acabou isolando a bola e desperdiçando a grande chance. Aos 22, Renato Augusto tentou de fora da área, mas chutou direto nas mãos de César. Um minuto após, Giuliano furou o bloqueio juventudista e fez sua parte, marcando o primeiro do jogo.

Os primeiros 45 terminaram em 1 a 0, com o Corinthians confiante nas jogadas, priorizando a finalização de passes e domínio da bola, já o Juventude queria contra-atacar, mas sempre acabava sem sucesso.

Gols e mais gols

A segunda etapa já iniciou com gol. Com apenas dois toques na bola, Óscar Ruiz conseguiu afastar Bruno Méndez e fazer a rede balançar, deixando Cássio sem chances. Mas os visitantes não deixaram barato. Aos 9, de fora da área, Yuri Alberto marcou um golaço, deixando a vantagem novamente para o Corinthians.

Mais uma vez, a ação teve reação. Sete minutos após o camisa 9 do Corinthians marcar, o camisa 80 do Juventude também quis cravar. Com uma confusão na zaga alvinegra, Pitta conseguiu driblar o goleiro adversário e marcou o quarto gol da partida. Após isso, como de costume, a equipe da casa buscou fazer algumas trocas e evitar mais gols dos visitantes.

O jogo esquentou, com ambas as equipes buscando marcar e garantir os três pontos. As equipes criaram jogadas perigosas e buscaram aproveitar dos furos na marcação. Quem errasse, corria risco. O Timão chegou a ter uma esperança após toque de mão de Jean, que havia acabado de entrar em campo, mas o pênalti acabou anulado, pelo impedimento de Gil no lance.

Os minutos finais foram de muito sangue quente e gritos da torcida, pois as duas equipes tentavam de toda forma virar o placar, mas nada aconteceu, e tudo terminou em 2 a 2 no Alfredo Jaconi.

Classificação

Com um ponto, o Juventude continua na lanterna do camepeonato, com 20 pontos, 11 atrás do primeiro time fora do Z-4, enquanto o Corinthians permanece no G-4, na quarta posição, atrás do Fluminense, Internacional e Palmeiras.

Próximos confrontos

Agora, o Juventude enfrenta o Santos na segunda-feira (10), às 20h, fora de casa. Já o Corinthians, entra em campo no sábado (8), em casa, diante do Athletico-PR, às 21h.

VAVEL Logo