Vizeu comemora gol e vitória, mas mantém pés no chão: "A vantagem não é muito grande"

Flamengo arranca vitória de virada sobre Junior Barranquilla, e garante uma pequena vantagem para o jogo de volta

Vizeu comemora gol e vitória, mas mantém pés no chão: "A vantagem não é muito grande"
(Foto: Bárbara Mendonça/VAVEL Brasil)

90 minutos já foram. O Flamengo recebeu nesta quinta-feira, dia 23, o Junior Barranquilla, da Colômbia, pela Copa Sul-americana, e garantiu a vitória de virada por 2 a 1. O gol do time colombiano foi marcado por Téo Gutierrez, enquanto os dois rubro-negros que marcaram fora Juan e Vizeu, respectivamente.

Com esse resultado, qualquer empate no jogo de volta garante a vaga ao Flamengo. Como gol fora de casa é critério de desempate, os cariocas podem até perder por um gol de diferença, desde que marquem pelo menos dois. O resultado de 2 a 1 para o Junior Barranquilla leva a partida para os pênaltis.

Felipe Vizeu, que marcou o gol da virada rubro-negra, falou sobre a beleza de seu gol e a importância de ter cautela com a vantagem no jogo de volta na Colômbia

Juan iguala marca de Júnior Baiano e se torna maior zagueiro artilheiro da história do Flamengo

"Gol mais bonito que fiz com a camisa rubro-negra. Espero fazer mais gols até o final. Temos que ter os pés no chão. A vantagem não é muito grande", disse o atacante.

O camisa 25 ainda falou rapidamente sobre seu abraço em Rhodolfo pouco depois de balançar as redes. vale lembrar que os dois jogadores do Rubro-Negro se envolveram em uma briga na última rodada do Brasileiro, diante do Corinthians.

"Muito emocionante o momento do gol. Rhodolfo falou que eu faria o gol. Disse 'vem em mim'. Tem que se dedicar ao máximo. Foi um erro, mas já tínhamos nos acertado. Fizemos as pazes", completou.

O próximo compromisso do Flamengo é contra o Santos, no próximo domingo (26), às 19h. A partida é válida pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, e será realizada na Ilha do Urubu.