Copa Davis: Ferrer vence batalha de 5h e classifica Espanha; França, Estados Unidos e Croácia avançam

Semifinalistas do Grupo Mundial de 2018 foram definidos neste domingo (08)

Neste domingo (08), foram definidos os quatro países semifinalistas do Grupo Mundial da Copa Davis de 2018. Entre os classificados estão a Espanha, de Rafael Nadal, a França, do jovem Lucas Pouille, a Croácia, de Marin Cilic, e os Estados Unidos, de John Isner.

Nadal supera Zverev e Ferrer define confronto

No duelo mais aguardado do final de semana, o número um do mundo - Rafael Nadal da Espanha - não deu chances para o alemão Alexander Zverev - número quatro do mundo - e venceu por três sets a zero, com parciais de 6/1 6/4 e 6/4, em duas horas e 16 minutos, empatando o confronto para os donos da casa, em Valencia.

A definição ficou para a partida entre os veteranos David Ferrer - 33º do mundo - e Philipp Kohlschreiber - número 34 do ranking. Em uma batalha de quatro horas e 55 minutos de duração, o espanhol venceu por três sets a dois, com parciais de 7/6 3/6 7/6 4/6 e 7/5, e classificou seu país às semifinais.

Pouille bate Fognini e garante França na semifinal contra Espanha

No confronto que envolvia os atuais campeões, mesmo jogando fora de casa, em Gênova, o jovem francês Lucas Pouille comandou a vitória sobre os italianos. Depois de derrotar o veterano Andreas Seppi, o número 11 do mundo superou o número um da Itália - Fabio Fognini - pelo placar de três sets a um, com parciais de 2/6 6/1 7/6 e 6/3, em três horas e um minuto.

Além das duas vitórias de Pouille, os franceses levaram a melhor nas duplas, com Nicolas Mahut e Pierre Hugues Herbert, fechando o confronto por 3 a 1. O ponto dos italianos foi conquistado por Fognini contra Jeremy Chardy.

Estados Unidos atropelam Bélgica em casa e enfrentam Croácia nas semis

Liderados pelo campeão do Masters 1000 de Miami, John Isner, os norte-americanos atropelaram os belgas em Nashville. Com 100% de aproveitamento, os donos da casa definiram o confronto por 3 a 0, graças às vitórias de Isner sobre Joris de Loore, de Sam Querrey contra Ruben Bemelmans e de Jack Sock e Ryan Harrison diante de Gille e Vliegen.

Croácia não tem dificuldades contra Cazaquistão

Jogando em casa, os croatas de Marin Cilic confirmaram o favoritismo e eliminaram o surpreendente Cazaquistão. Na primeira partida, Cilic perdeu apenas quatro games na vitória sobre Dmitry Popko. Na sequência, o jovem Borna Coric foi surpreendido por Mikhail Kukushkin por três sets a um. Nas duplas, Ivan Dodig e Nicola Mektic recuperaram a liderança para os donos da casa. Neste domingo, Cilic fechou o confronto por 3 a 1, depois de mais uma vitória fácil: 6/1 6/1 e 6/1, contra Kukushkin.

O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.