Putintseva supera Martic e avança pela primeira vez às quartas do US Open
Foto: Divulgação/WTA

Em partida muito equilibrada, a #35 Yulia Putintseva chegou pela terceira vez na carreira às quartas de final de um Slam, a primeira no US Open. A cazaque anotou sobre a #15 Petra Martic, parciais de 6/3, 2/6 e 6/4, em 2h39, neste domingo (6). Este foi o primeiro confronto entre as tenistas.

Putintseva começou muito bem o jogo, controlando os nervos e abrindo ótima vantagem. Ela conseguiu duas quebras para fazer 5/0, perdendo apenas sete dos primeiros 27 pontos da partida. Aos poucos, porém, Martic conseguiu se recompor, diminuir os erros e entrar no jogo. Não foi suficiente para a croata igualar o primeiro set, mas o momentum virou aos poucos. Mesmo assim, a cazaque fez 6/3, em 43 minutos.

Logo no primeiro game, Putintseva teve três break points, mas não conseguiu a quebra e não ameaçou mais o saque de Martic. Muito mais consistente, a croata terminou a segunda parcial com 22 winners, o dobro de erros não-forçados.

Em um longo sexto game, Martic conseguiu a primeira quebra do set, e viu a cazaque ficar cada vez mais nervosa - ela chegou a pedir um atendimento médico logo após ser quebrada. Perdendo apenas seis pontos em seu serviço no set, a croata empatou a parcial com um 6/2, em 52 minutos.

Na terceira parcial, Putintseva voltou muito afiada, cometendo pouquíssimos erros e sobrevivendo muito bem aos ralis. A cazaque chegou a abrir 5/1, mas Martic reagiu. A cabeça de chave oito conseguiu três games seguidos antes de paralisar o jogo para um atendimento médico. Esta paralisação acabou com o embalo da croata, e a cazaque conseguiu confirmar o saque e garantir a grande vitória: 6/4, em 54 minutos.

No total, as duas tiveram um winner a mais que erros não-forçados - 26 a 25 para Putintseva, e 40 a 39 para Martic. As duas quebraram o saque rival em quatro vezes e tiveram também aproveitamentos parecidos no saque. A croata chegou a vencer mais pontos - 93 a 92-, mas saiu derrotada.

Nas quartas de final, Putintseva vai enfrentar a #41 Jennifer Brady, que vem de grande vitória sobre a #23 Angelique Kerber, parciais de 6/1 e 6/4. Nenhuma das duas chegou à uma semifinal de Slam até hoje.

VAVEL Logo