Medvedev domina Djokovic e se classifica às semis do ATP Finals
Foto: Divulgação/ATP

A última quarta-feira (18) foi difícil para o melhor tenista do mundo. No ATP Finals, #1 Novak Djokovic foi vencido com relativa tranquilidade por #4 Daniil Medvedev. Sem ser quebrado, o russo impôs um duplo 6/3 ao sérvio.

O primeiro set teve momentos de muita competitividade, enquanto o segundo viu o russo ter uma exibição claramente melhor que a do sérvio.

Longos games

Após os dois primeiros games do jogo correrem com extrema normalidade, o terceiro mostrou o que seria a tônica de todo o período. Em sete pontos, Djokovic precisou de sete pontos (e salvar dois break points) para confirmar o serviço. No quarto, foram treze pontos para que o russo conseguisse o mesmo feito. 

No sétimo game, o primeiro grande momento da peleja. Em 15 pontos, Djokovic salvou dois break points impostos por Medvedev. Mas não salvou o terceiro. No momento seguinte, o russo fez a parte que lhe cabia rapidamente. No nono, em sete pontos, o sérvio, mais uma vez, teve o saque rejeitado - e perdeu o set após uma dupla falta: 6/3.

Rapidez

A segunda metade de jogo foi bem mais rápida que a segunda - teve 34 minutos, contra 48 da primeira. O número de pontos de cada um deles explica tal diferença. Não sem, antes, a partida ter mais um deslize que custou a vitória: logo no segundo game, o primeiro sacado por Djokovic no período, ele, em nove pontos, não foi páreo para Medvedev. 

Dali para frente, o game que teve mais pontos foi o terceiro: sete, com o russo sofrendo (e salvando) um break point. Com a vantagem, Medvedev precisou, apenas, manter a vantagem para, novamente, fazer 6/3 e liquidar a partida.

O que vem por aí

Na última rodada do grupo Tokyo 1970 da ATP Finals 2020, Djokovic fará decisivo jogo contra #7 Alexander Zverev, enquanto #4 Daniil Medvedev enfrenta o já eliminado #9 Diego Schwartzman.

VAVEL Logo