Collins derrota Cornet e iguala melhor campanha da carreira no Australian Open
Foto: Divulgação/WTA

Após três anos, a #30 Danielle Collins vai disputar novamente as semifinais do Australian Open. Nesta terça-feira (25), a estadunidense derrotou a #61 Alizé Cornet por 2 sets a 0, parciais de 7/5 e 6/1, em 1h30, na quadra central Rod Laver Arena, e se garantiu entre as quatro melhores do primeiro Slam do ano.

Este foi o primeiro confronto entre as duas. Collins fechou a partida com 90% dos pontos vencidos com o primeiro saque e só foi quebrada uma vez, quando sacava para o set em 5/3 na primeira parcial. As duas demonstraram bastante frustração no set inicial, quando ambas tiveram volume maior de erros não-forçados.

Collins chegou a abrir 5/2 de vantagem no primeiro set, mas Cornet, que fez sua melhor campanha em Slams na carreira, reagiu a empatou em 5/5. Quando sacou para se manter viva na parcial, porém, ela acabou sendo quebrada no terceiro set point que enfrentou: 7/5, em 59 minutos.

Na segunda parcial, Collins subiu o nível. Em um set bem mais curto, ela teve 12 winners, quatro a menos que no primeiro set, e apenas nove erros não-forçados, contra 20 no primeiro. Cornet só ameaçou o serviço da rival no quinto game, quando desperdiçou dois break points. A francesa conseguiu se manter no jogo sacando em 0/5, após perder sete games seguidos, mas a estadunidense fez mais um grande trabalho no serviço na sequência para garantir a vitória.

O que vem por aí

Com a grande campanha em Melbourne, Collins garante a entrada no top 15 do ranking mundial pela primeira vez - sua melhor marca até hoje era o 23º lugar. Sua adversária por uma vaga na decisão do Aberto da Austrália sai do confronto entre a #9 Iga Swiatek e a #115 Kaia Kanepi.

VAVEL Logo