Monteiro e Feijão decepcionam e são eliminados no qualifying do Australian Open

Dessa maneira, Brasil terá apenas dois representantes nas simples: Bia Haddad Maia e Rogério Dutra Silva

Monteiro e Feijão decepcionam e são eliminados no qualifying do Australian Open
Monteiro e Feijão decepcionam e são eliminados no qualifying do Australian Open (Foto: Getty Images)

O torneio qualificatório para o Australian Open de 2018 começou nesta quarta-feira (10). Neste primeiro dia de jogos, os dois brasileiros na disputa - Thiago Monteiro e João Souza, o "Feijão" - entraram em quadra contra rivais piores colocados no ranking da ATP. No entanto, acabaram eliminados da competição.

Monteiro para em jovem italiano

O número três do Brasil, Thiago Monteiro era um dos favoritos a ficar com uma vaga na chave principal, por isso, era cabeça de chave número 12. Porém, logo na primeira rodada, acabou sendo surpreendido pelo italiano Lorenzo Sonego - 218º do mundo - em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/4, em uma hora e 37 minutos em quadra.

Com a eliminação, o cearense segue apenas com uma participação no Major australiano: no ano passado, perdeu na primeira rodada para o francês Jo-Wilfried Tsonga por três sets a um.

Feijão toma a virada de argentino

Ex-top 70, o paulista João Souza voltou a tentar vaga no Grand Slam da Oceania. Entretanto, assim como na temporada passada, o brasileiro não conseguiu passar da primeira rodada do qualifying. Dessa vez, a derrota foi para o argentino Andrea Collarini - número 249 no ranking mundial - por dois sets a um, com parciais de 6/7 6/2 e 6/4, em duas horas e 23 minutos. Os melhores resultados de Feijão na Austrália seguem sendo a primeira rodada da chave principal em 2012 e em 2015.

Bia Haddad e Rogerinho representam Brasil nas simples

Sem o sucesso dos brasileiros no torneio qualificatório, dois outros representarão o país neste primeiro Grand Slam da temporada: Bia Haddad Maia, na chave feminina, e Rogério Dutra Silva, na masculina.

Nas duplas, mais brasileiros participarão: Marcelo Melo, o número um do mundo, Bruno Soares, campeão do torneio em 2016, além de Marcelo Demoliner e de André Sá.

+ Bellucci pega suspensão de cinco meses por doping

O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.