No clássico de Verona, Hellas vence Chievo e respira na Serie A

Time comandado por Fabio Pecchia saiu vitorioso no 11ª clássico disputado entre as duas equipes na liga; jogadores homenagearam Astori antes da partida

No clássico de Verona, Hellas vence Chievo e respira na Serie A
Foto: Dino Panato / Getty Images

Neste sábado (10), em mais um Derby Dell’Arena, o Hellas Verona se impôs sobre o Chievo e venceu os rivais por 1 a 0, em jogo válido pela 27ª rodada da Serie A. Com gol do zagueiro Antonio Caracciolo, os helladinis saíram com a vitória no décimo clássico disputado entre os dois times na primeira divisão.

O resultado fez com que o Chievo continue no meio da tabela, ocupando a decima quarta colocação com 25 pontos. Já o Verona, mesmo com a vitória, segue na zona de rebaixamento e subiu para a antepenúltimo com 22 pontos, ultrapassando o Crotone que ainda joga nesta rodada.

O Hellas Verona só volta a campo no domingo (18) do próximo fim de semana, quando recebe a Atalanta no Marc'Antonio Bentegodi. No mesmo dia e horário, o Chievo vai até o San Siro onde enfrenta o Milan.

Antes da partida começar, os dois times realizaram homenagens a Davide Astori, que faleceu no último domingo. Todos os jogadores entraram em campo com "Davide" e um 13 em suas camisas, em alusão ao seu nome e ao número que usava na Fiorentina.

Após o apito inicial, o primeiro tempo foi sem muitas oportunidades de ambos os lados, mas o Hellas Verona acabou se sobressaindo e a melhor chance foi logo no início, com um chute de fora da área de Buchel, obrigando o goleiro Sorrentino a fazer uma grande defesa. No lado do gialloblù, Castro foi o único que causou perigo ao gol do Verona. Após lançamento da zaga, o argentino tentou dominar a bola na área, mas Nícolas saiu bem das traves e acabou com o ataque.

Na segunda etapa, o Verona voltou do intervalo com o mesmo fôlego dos primeiros 45 minutos. Aos 5 minutos, Fares cruzou da esquerda, Dainelli colocou a cabeça na bola e por pouco não marcou. A pressão continuou e três minutos depois, os helladinis conseguiram abrir o placar. Após cobrança de escanteio curta, Verde cruzou rasteiro e encontrou o capitão Caracciolo, que em um bonito chute de primeira, balançou as redes.

Tentando reagir, o Chievo ainda buscou o ataque durante o tempo restante, enquanto o adversário se manteve controlando e buscando manter o resultado. A estratégia deu certo e o Hellas saiu vitorioso no dérbi com o placar de 1 a 0.