Único invicto na
Bundesliga, Wolfsburg tem armas letais no banco e no ataque
Foto: Reprodução/Wolfsburg 

Aquele Wolfsburg que despontou no cenário alemão a partir da temporada 2008-09 —  sob condução do brasileiro Grafite — com o título inédito do campeonato nacional, também se tornaria campeão da Copa da Alemanha pela primeira vez, porém seis temporadas mais tarde (2014-15). No ano seguinte, venceria a Supercopa e, a partir disso, mudariam de patamar. Vale ressaltar que no ano em que se conquista sua inédita copa nacional, foi vice da Bundesliga.

De lá para cá, não flertou mais com títulos e voltou, de certa forma, a assumir condição de figurante no país. A temporada atual, no entanto, aflora, novamente, os ânimos do torcedor e o faz relembrar de êxitos em um passado não tão distante.

Comando de Oliver Glasner

Os lobos são os únicos invictos da Bundesliga na temporada. Trata-se de 19 partidas, até aqui, entre Liga Europa, DFB Pokal, Campeonato Alemão e amistoso, somando 10 vitórias e 9 empates. O excelente começo da equipe desperta uma análise sob os responsáveis para tal acontecimento: o Wolfsburg consegue tal feito – seu bom início invicto - de forma inédita e não se pensa em outro nome como grande responsável senão Oliver Glasner.

Treinador austríaco, discreto e sem nunca, até então, cruzar a fronteira de seu país natal para trabalhar, chegou para esta temporada e deu uma nova cara para o time. Modificou o esquema tático para 3-4-3, garantiu uma sustentação defensiva e exigiu de seu grupo de jogadores, entrega. Na reportagem trazida pela Bundesliga.com revelou-se que os métodos de treinamento mudaram, e que Glasner trabalha seu grupo em um campo dividido de 40 quadrados pequenos.

Foto: Reprodução/Wolfsburg
Foto: Reprodução/Wolfsburg

Além de obter a melhor de defesa do campeonato neste início – apenas 4 gols sofridos -, o site da Bundesliga informou que as estatísticas os colocam entre os cinco nas categorias de corrida, armas de um time que permite a esperança de quem sonha com seu bi.  

Estrela de Weghorst

Somados 23 gols em 46 jogos pelos Lobos, a principal arma dentro das quatro linhas, certamente, é Wout Weghorst. No atual campeonato, ele tem quatro gols e é o líder técnico da equipe. Grafite, campeão e artilheiro em 2008-09, o comparou a um atleta que, junto ao ex-jogador, estabeleceram um recorde de gols no título nacional inédito.

"Wout é muito bom. Gosto da maneira como ele joga, me lembra Edin Dzeko. Ele ainda não está no nível de Edin, mas está a caminho de se tornar um grande atacante. É muito concentrado, tem técnica e poder, eu gosto disso."

Na última partida, responsável por colocar a equipe na vice-liderança da Bundesliga, Weghorst fez o gol da vitória, se consolidando como decisivo em jogos importantes.

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo