Em bom segundo tempo, Brighton empata com Chelsea no Stamford Bridge
Foto: Premier League

O Chelsea tinha a missão de conseguir os três pontos para não ficar tão distante do líder Manchester City. Romelu Lukaku encaminhava a vitória, porém o Brighton garantiu o empate de 1 a 1, com Danny Welbeck, em Stamford Bridge, pela 20ª rodada da Premier League,, garantindo apenas um tropeço como visitante na competição.

Equilíbrio apesar de gol

Buscando o ataque, os Blues ameaçavam a meta defendida por Robert Sánchez, obrigando a defesa do sul da Inglaterra a ficar atenta. Hudson-Odoi recebeu pelo lado esquerdo do campo, partiu para cima da marcação, conseguiu espaço ao invadir a área e finalizou buscando o ângulo, mas Cucurella cortou de cabeça. Depois foi a vez da trave ser amiga das Gaivotas. Escanteio de Reece James, Azpilicueta desvia no meio da área e acerta a trave esquerda. 

Aos 24’, Lukaku chamou a marcação e lançou Mason Mount na medida. Ele bateu cruzado, mas Sánchez evitou o gol em grande defesa. No entanto, não conseguiu ser efetivo quatro minutos depois. Mount cobrou escanteio, o atacante cabeceou na primeira trave para inaugurar o marcador. 

Os mandantes não conseguiram manter o ritmo frenético. O Brighton conseguiu respirar e aparecer no ataque, dando equilíbrio ao jogo. Mac Allister recebeu na entrada da área e resolveu arriscar o chute, mas acabou sendo travado por Rüdiger. Em bobeada da zaga, Lallana soltou um foguete a longa distância. Mendy fez grande defesa.  Antes do intervalo, Lamptey mandou por cima do travessão.

Controle das Gaivotas 

A equipe de Graham Potter retornou bem ao gramado. Lallana cruza da esquerda, Moder finalizou na grande área. A bola tirou tinta do travessão e encostou na rede pelo lado de fora. Aos 51, March sofreu falta de Pulisic na ponta esquerda. Mac Allister cobrou em direção ao gol e Mendy tirou de soco. O goleiro precisou intervir após o erro no afastamento de  Marcos Alonso, que deixou nos pés de Bissouma. O volante dominou e soltou a bomba, espalmada pelo camisa 16. 

O Chelsea encontrou espaço em contra-ataque armado por Lukaku. Hudson-Odoi não caprichou no passe para Mount. Em resposta, Maupay bateu cruzado da entrada da área. A redonda saiu à direita do gol. O empate quase veio. Mac Allister ficou cara a cara com Mendy, que tirou um pouco do atacante. Na sequência, o camisa 10 deixou Maupay pronto para finalizar, mas Rüdiger apareceu no meio do caminho. Para tentar ter mais controle, 

Thomas Tuchel colocou Kante. O volante contribuiu com desarmes, contudo, os Blues não conseguiam ser efetivos. Nos acréscimos, Cucurella faz ótima jogada na esquerda e cruza com categoria, Welbeck desvia de cabeça e acerta o canto.

Classificação e próximos jogos

O Chelsea é o segundo colocado com 42 pontos, sendo oito de diferença para o líder City. Já o Brighton é o 10º, somando 24. Os comandados de Potter tiveram dois jogos adiados por conta da Covid-19. 

Ambas equipes irão jogar no domingo (2). Às 11h (de Brasília), as Gaivotas encaram o Everton, no Goodison Park. Já os Blues recebem o Liverpool, às 13h30 (de Brasília).

VAVEL Logo