De olho na final da UWCL, PSG visa reverter resultado diante do Lyon
Foto: Paris Saint Germain / Divulgação

Neste sábado (30), os rivais franceses, Paris Saint-Germain e Lyon, se encontram pela partida de volta da semifinal da UEFA Women’s Champions League, às 16h, no Parc des Princes, em Paris.

O PSG decide o duelo em casa, mas busca reverter o placar adverso da primeira partida, quando perdeu por 3 a 2 para o Lyon. Marie-Antoinette Katoto colocou as parisienses na frente, porém, Wendie Renard diminuiu de pênalti, em sua 100ª aparição em competições europeias. Catarina Macario anotou dois gols para virar a partida. Paulina Dudek diminuiu de pênalti e deixou a decisão aberta para o segundo jogo.

Este será o décimo embate entre as rivais francesas na competição, igualando o recorde de Wolfsburg e Chelsea. Ao todo, foram cinco vitórias do OL, dois empates e duas vitórias dos parisienses. Sendo um destes encontros na final da competição em 2017, com o triunfo das Les Gones.

As visitantes desejam chegar em sua décima final, sendo as maiores campeãs com sete títulos. Do contrário, as parisienses, por sua vez, ainda lutam para conquistar sua primeira orelhuda.

Com a extinção da regra dos gols fora de casa, caso termine em empate, o duelo irá à prorrogação e, caso este ainda perdure, ocorrerá a decisão por pênaltis.

Ollé-Nicolle garante que PSG se doara por completo enquanto Sonia Bompastor mantém o Lyon confiante

Em entrevista, as treinadoras Ollé-Nicolle (PSG) e Sonia Bompastor (OL) demonstraram muito empenho para manter suas respectivas equipes no mais alto nível de competição para a partida.

Em sua coletiva, Ollé-Nicolle enalteceu o potencial de suas atletas e, reforçou que com o apoio dos fãs, a equipe pode reverter a situação em seus domínios.

"As meninas têm potencial para tirar vantagem, se fizerem seu trabalho no sábado, elevando seu nível em 5%, com o apoio dos fãs. Durante toda a semana, tentamos manter nos manter positivas. Há um jogo para ganhar. O objetivo não é calcular, tivemos que recuperar bem essa semana e nos manter positivas. Não há pressão já que o estádio estará lotado. Cabe a nós aproveitar este grande momento!"

Do outro lado, Sonia Bompastor ressalta importância da vitória no primeiro duelo, enaltece jogadoras e mira triunfo rumo a final.

 "Ganhamos a primeira etapa. Isso nos permite abordar esse retorno com confiança. Temos algumas coisas para melhorar. Conversamos umas com as outras em grupo e individualmente a fim de corrigir os erros da primeira partida. Desejamos sair como vencedoras deste confronto. Isso certamente faz parte do DNA do futebol feminino, mas também da qualidade do meu elenco e das minhas jogadoras. Minhas atletas têm experiência."

Prováveis escalações

Paris Saint Germain: Votíková; Lawrence, Ilestedt, Dudek, Karchaoui; Fazer, Geyoro, Däbritz; Diani, Katoto, Baltimore

Lyon: Endler; Carpenter, Buchanan, Renard, Bacha; Horan, Egurrola, Macario; D Cascarino, Hegerberg, Malard

VAVEL Logo