Stöger lamenta lances perdidos em novo empate do Dortmund: "Tivemos chances mais claras"

No retorno da Bundesliga, Dortmund não consegue marcar diante de sua torcida e empatou frente ao Wolfsburg por 0 a 0

Stöger lamenta lances perdidos em novo empate do Dortmund: "Tivemos chances mais claras"
(Foto: Alexandre Simoes/Borussia Dortmund/Getty Images)

Após a pausa de cerca de um mês e meio devido o forte inverno da Alemanha, a Bundesliga finalmente deu início ao segundo turno da competição, e neste domingo (14), o Borussia Dortmund entrou em campo frente a sua bela torcida, que como de costume lotou o Signal Iduna Park, cerca de 80.600 torcedores estavam no estádio para assistir a partida diante do Wolfsburg, válida pela 18º rodada, em campo, as equipes não saíram do empate por 0 a 0. Apesar das redes não terem sido balançadas, a partida teve bastante movimentação, o Dortmund atacou os lobos 15 vezes, mas mostrando a sua ineficiência, arrematando apenas uma vez para o gol do goleiro Koen Casteels, já o Wolfsburg chegou em nove ocasiôes com perigo a zaga aurinegra, obrigando o goleiro Roman Bürki a trabalhar diretamente em quatro oportunidades.

O técnico Peter Stöger, ressaltou na conferência pós-jogo que a sua equipe obteve as chances mais claras na partida e, que a falta de eficiência custou caro aos aurinegros.

"Tivemos as chances mais claras, mas não era tão claro no final. Se você não aproveita as chances que tem, as coisas tomam uma outra direção. Tivemos bons momentos, mas também alguns ruins, se a clareza não for mantida por 90 minutos, isso se torna pouco e, no final, houve falta de frieza e eficácia, a determinação foi sentida, Wolfsburg poderia ter sido derrotado nos passes", destacou Stöger.

Stöger também falou sobre o atacante Aubameyang, cortado horas antes da partida por "razões disciplinares", segundo o próprio BVB afirmou.

"Estamos conversando no clube. Claro que você não quer que todos os jogadores sejam os mesmos, mas se houver coisas sérias, você precisa reagir. Em suma, Auba é um bom rapaz. Falei com Aubameyang hoje, não sou uma pessoa vingativa, ele pode mostrar todas as semanas que ele está pronto e esperamos que ele venha treinar amanhã", Ponderou, Stöger.

(Foto: TF-Images/TF-Images via Getty Images)
(Foto: TF-Images/TF-Images via Getty Images)

 

O diretor de esportes do Borussia Dortmund, o ex-jogador Michael Zorc, também falou sobre Aubameyang.

"Bom, espero que Aubameyang esteja no treinamento amanhã de manhã, estamos totalmente atrás da decisão, não sei o que está acontecendo na cabeça dele, tivemos uma conversa muito controversa hoje, o que está acontecendo não é para ser tolerado. Eu não o reconheço", Afirmou, Michael Zorc. 

O "homem da partida", o goleiro Roman Bürki, também concedeu entrevista e, de forma simples e direta, mostrou seu ponto de vista sobre o jogo.

"Se tivéssemos aproveitado nossas chances, teríamos vencido o jogo." enfatizou, Bürki.

(Photo by Alexandre Simoes/Borussia Dortmund/Getty Images)
(Foto: Alexandre Simoes/Borussia Dortmund/Getty Images)

 

Substituindo o indisponível Christian Pulisic, Jadon Sancho de apenas 17 anos foi titular e um dos destaques da partida, mostrando-se presente no ataque aurinegro e, até mesmo carimbando a trave em chance no segundo tempo, após passe de Shinji Kagawa.

"Foi uma ótima experiência, em que eu aguardava muito, agradeço ao treinador por me dar essa confiança" Disse, Sancho.

(Foto: TF-Images/TF-Images via Getty Images)
(Foto: TF-Images/TF-Images via Getty Images)

Com o empate, o Borussia Dortmund cai da terceira para a quarta colocação, somando 29 pontos, na próxima rodada, a equipe viaja para a capital Berlim, para enfrentar o Hertha Berlin, partida válida pela 19º rodada da Bundesliga, nesta sexta (19).