Com polêmicas do VAR,
São Paulo e Palmeiras empatam sem gols na semifinal do Paulistão
Foto:  Rubens Chiri / São Paulo FC

Com polêmicas do VAR, São Paulo e Palmeiras empatam sem gols na semifinal do Paulistão

Juiz marcou pênalti para o Alviverde, mas anulou a decisão após consultar o árbitro de vídeo

isabella-molina
Isabella Molina
São PauloTiago Volpi; Hudson, Bruno Alves, Anderson Martins (Arboleda, intervalo) e Reinaldo; Luan, Liziero e Igor Gomes (Nenê, min. 77); Antony, Pablo e Everton Felipe (Everton, min. 69). Técnico: Vagner Mancini
PalmeirasWeverton; Marcos Rocha (Mayke, min. 68), Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís (Diogo Barbosa, min. 59); Felipe Melo, Bruno Henrique e Ricardo Goulart (Lucas Lima, min. 77); Gustavo Scarpa, Dudu e Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari
INCIDENCIASCampeonato Paulista – semifinal – ida. Estádio do Morumbi

São Paulo e Palmeiras se enfrentaram, neste sábado (30), em jogo de ida da semifinal do Campeonato Paulista. O Choque-Rei aconteceu no Morumbi e as equipes empataram por 0 a 0.  

No primeiro tempo, o Tricolor Paulista foi melhor na maior parte, e o Verdão ficou mais forte no fim. Aos seis minutos, Antony tocou para Hudson na linha de fundo. O lateral cruzou na área e o zagueiro Antonio Carlos deixou a bola passar, mas Pablo também não conseguiu chegar.

No minuto seguinte, Marcos Rocha cruzou para Deyverson na grande área, que ajeitou para Ricardo Goulart, que chegou batendo, mas o meia finalizou para fora.

Aos 14, Antony tabelou com Igor Gomes, que lançou para Pablo, mas foi travado. Na sobra, Everton Felipe, da entrada da área, chutou colocado, mas a bola foi para fora.

Dudu recebeu na intermediária e encheu o pé, mas a bola explodiu no travessão, aos 22. Cinco minutos depois, foi a vez de Pablo mandar na trave, após receber cruzamento na grande área e cabecear.

Tiago Volpi salvou o São Paulo aos 32. Dudu recebeu na esquerda e cortou para o meio, batendo colocado. O goleiro espalmou. Dois minutos depois, Hudson cruzou para Pablo na entrada da área. O centroavante dominou e bateu colocado, mas a bola foi para fora.

Aos 37, em lance polêmico, Dudu invadiu a área e caiu. O árbitro marcou pênalti, mas, após consultar o VAR, anulou a decisão.

O ritmo da segunda etapa caiu demais em relação à primeira. Os dois times foram bem cautelosos para evitar contra-ataques.

Aos sete minutos, Igor Gomes cruzou para Bruno Alves, que cabeceou no meio da área e Arboleda marcou, mas, como Bruno Alves fez falta de ataque, o gol foi anulado.

Igor Gomes recebeu na linha de fundo, aos 28, mas Diogo Barbosa o desarmou e lançou para Deyverson, no ataque, que inverteu para Ricardo Goulart. O meia ajeitou para Dudu, mas ele foi desarmado.

Em cobrança de falta, Dudu cruzou na segunda trave e Deyverson bateu, mas Arboleda tirou o perigo, jogando a bola para escanteio, aos 35 minutos.

Com o empate, a decisão ficará para a partida de volta, que será no próximo domingo (7), às 16h, no Allianz Parque.

MEDIA: 4VOTES: 1
VAVEL Logo