1-0, min. 24, Júnior Urso. 2-0, min. 86, Boselli
Corinthians vence Goiás e entra na zona de classificação para Libertadores 
Júnior Urso comemora gol contra o Goiás. Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Corinthians vence Goiás e entra na zona de classificação para Libertadores 

Em partida atrasada válida pela 7ª rodada do Brasileirão, equipe paulista vence com gols de Júnior Urso e Boselli  

diego-bandeira
Diego Bandeira
CorinthiansCássio; Fagner, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Gabriel e Júnior Urso (Matheus Jesus, min. 89); Pedrinho, Mateus Vital (Jadson, min. 63) e Clayson (Everaldo, min. 78); Boselli. Técnico: Fábio Carille
GoiásTadeu; Daniel Guedes, Rafael Vaz, Fábio Sanchez e Jefferson; Yago Felipe, Geovane e Léo Sena; Leandro Barcia (Renatinho, min. 61), Michael (Júnior Brandão, min. 83) e Kayke (Rafael Moura, min. 68). Técnico: Robson Gomes
INCIDENCIASPartida atrasada válida pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro. Arena Corinthians

O Corinthians recebeu o Goiás e venceu por 2x0, com gols de Júnior Urso, ainda no primeiro tempo, e Boselli, no fim da segunda etapa. A partida, realizada nesta quarta-feira (07), na Arena Corinthians, foi válida pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Inicialmente marcado para o dia 1º de junho, o jogo teve de ser remarcado em consequência dos compromissos da equipe paulista na Copa Sul-Americana.

Com o resultado, o Corinthians entra na zona de classificação para a Libertadores e chega à quinta posição, com 23 pontos. Já o Goiás, perde três colocações na tabela e cai para o 12º lugar, com 17 pontos. 

Ambas as equipes contaram com três desfalques cada para a partida. O Corinthians poupou Danilo Avelar, Sornoza e Vágner Love. Em seus lugares jogaram Carlos Augusto, Mateus Vital e Boselli, respectivamente. Já o time goiano não pode escalar Marlone, Yago e Giovani Augusto. Os três jogadores pertencem à equipe paulista e estão emprestados ao Goiás, e dessa forma, não puderam entrar em campo. 

Corinthians joga melhor no primeiro tempo e abre o placar 

O Corinthians começou tentando fazer valer seu mando de jogo marcando alto e se impondo desde o início. Devido ao maior entrosamento entre Fagner, Pedrinho e Júnior Urso, as jogadas foram mais concentradas pelo lado direito, explorando as triangulações entre os três jogadores. 

A primeira chance clara de gol apareceu já aos sete minutos. Após falta cobrada por Fagner, a bola sobrou para Boselli dentro da área. O atacante tentou finalizar dando uma cavadinha, mas o goleiro saiu bem do gol e fez uma bela defesa. Três minutos mais tarde, Clayson pegou a bola na esquerda, cortou para o meio e bateu de fora da área, obrigando Tadeu a fazer mais uma boa defesa.  

Apesar da pressão Corinthiana, aos 17 minutos foi a vez do Goiás assustar Cássio. Após bom cruzamento da direita, Érik desvi de primeira e mandou a bola na trave. Após o susto os mandantes voltaram a pressionar.

Primeiro Vital fez bela jogada pela direita e tocou para trás. Pedrinho bateu de primeira e a bola passou tirando tinta da trave. Depois, aos 25 minutos, Fagner, Gabriel e Clayson trocaram belos passes. O atacante cruzou para a área e encontrou Júnior Urso, que bateu forte, de primeira, sem chances para Tadeu. 1x0 Corinthians. 

Dois minutos mais tarde foi a vez dos visitantes balançarem as redes. Michael recebeu dentro da área, deu um belo drible em Gil e finalizou rasteiro. Porém, após o gol, o VAR checou a jogada e confirmou impedimento do atacante esmeraldino.

O Goiás ainda teve mais uma chance de gol antes do primeiro tempo acabar. Após cruzamento da direita, Kayke antecipou Gil e cabeceou a bola, que passou rente à trave. 

Segundo tempo truncado e mais um gol para o Corinthians 

Diferentemente dos primeiros 45 minutos, a segunda etapa teve um jogo mais equilibrado e com menos chances de gol. Após ataque da equipe visitante, Carlos Augusto afastou o perigo com um chute forte. O lance acabou virando um passe para Clayson. Ele se atrapalhou, mas a bola acabou sobrando para o próprio atacante que finalizou de esquerda para fora, sem muito perigo. 

As duas equipes fizeram alterações. Jadson entrou no lugar de Mateus Vital e Renatinho no lugar de Leandro Barcia, mas pouca coisa mudou. 

O primeiro lance perigoso veio aos 21 minutos. Kayke bateu forte de fora área, Cássio fez uma belíssima defesa e a bola ainda bateu no travessão antes de ir para fora. 15 minutos mais tarde foi a vez de Michael chutar de fora da área, após confusão na entrada da área. Mais uma vez o goleiro do Corinthians segurou firme a bola, sem dar rebote.  

Na sequência do lance, Júnior Urso fez jogada individual pela direita, escapou da falta e invadiu a área adversária. O zagueiro Rafael Vaz tentou afastar o perigo com um carrinho, mas acabou pondo a mão na bola. O árbitro checou o lace no vídeo e confirmou a penalidade máxima em favor da equipe paulista. Na cobrança, Boselli bateu forte no meio e deu números finais à partida. Corinthians 2x0 Goiás.  

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Próximos compromissos 

Na sequência do Brasileirão, o Corinthians vai a Porto Alegre para encarar o Internacional, no estádio Beira Rio, no próximo domingo (11), às 11h. As duas equipes estão na parte de cima da tabela e buscam a vitória para encostar nos líderes do campeonato. 

Já o Goiás recebe o Vasco da Gama, no estádio Serra Dourada, também no domingo, mas às 19h. O jogo é importante para os dois times, que buscam se distanciar da zona de rebaixamento. 

MEDIA: 5VOTES: 12
VAVEL Logo