Palmeiras goleia Tigre, quebra sequência ruim e avança com melhor campanha
Foto: Staff Images/Conmebol

Em seu segundo jogo sem o técnico Vanderlei Luxemburgo, o Palmeiras se recuperou de uma sequência negativa e goleou o Tigre por 5 a 0 no Allianz Parque, nesta quarta-feira (21), pela última partida da fase de grupos da Copa Libertadores. Raphael Veiga, Gustavo Gómez, Zé Rafael, Gabriel Veron e Rony marcaram na larga vitória que garantiu ao Verdão a classificação às oitavas de final com a melhor campanha do torneio em 2020.

Estratégias

Palmeiras entrou em campo com seu tradicional, 4-2-3-1 em comandado pelo técnico interino Andrey Lopes. Weverton passava segurança debaixo das traves. Gustavo Gómez e Felipe Melo no miolo de zaga ajudavam a defesa. Já nas laterais, Viña pela esquerda apoiava mais e ajudava a equipe no ataque, e Gabriel Menino pela direta dava a sustentação necessária no sistema de marcação. No meio com cinco jogadores, Zé Rafael e Danilo eram os volantes. Como meia-esquerda, Wesley e na direita Gabriel Veron. No meio Raphael Veiga auxiliava o centroavante de referencia Luiz Adriano no último terço do campo.

Tigre comandado por Nestor Garosito, foi para a partida no esquema 5-4-1. Zenobio no gol, sendo auxiliado pelos zagueiros Montesserin, Giacopuzzi e Leizza. Nas laterais, Melivillo e Galmarini. No meio, ajudando a defesa, Rodriguez mas avançado e o volante Cardozo recuado. Como meio-campista pelas pontas, Gallardo pela esquerda e Morales pela direita tentavam fazer a bola chegar no atacante Magnin, que era a esperança de gol da equipe.

Atropelo palmeirense no Allianz

O jogo teve início com as duas equipes buscando seus espaços para conseguir a criação das jogadas. O Palmeiras com um pouco de dificuldades, sofria com a velocidade do até então pior time da Libertadores que começou propondo jogo, e mesmo sem concluir, criou as melhores chances iniciais. O Tigres fez seus melhores dez minutos nesta edição da competição, e o verdão não mostrava reação.

O Palmeiras, mesmo apresentando erros na saída de bola e problemas na aproximação e na criação, mostrou seu poderio chegando ao ataque com perigo aos seis minutos. Veron desceu pela direita e cruzou rasteiro para a área, mas a bola passou por todo mundo, com Wesley e Luiz Adriano não alcançando e foi para fora. 

A partida estava sem emoção, mas aos 34 minutos, o Palmeiras enfim conseguiu abrir o marcador. O goleiro Weverton deu um chutão para o último terço do campo, a bola procurou Wesley que ganhou a dividida com seu marcador e achou um corredor esquerdo livre, onde avançou e cruzou rasteiro para o meio da área, a defesa argentina tentou cortar mas Raphael Veiga estava no lugar certo e na hora certa, dominou com calma e na marca do pênalti encheu o pé, marcando o gol.

O Palmeiras começou o segundo tempo de forma fulminante, conseguindo encaixar os ataques, e levando bem mais perigo ao gol. Já aos seis minutos, Gabriel Menino avançando pela direita, invadiu a linha de fundo entrando na área, tentou proteger a bola e foi derrubado por Melivilo, o juiz não pensou duas vezes, e apontou a penalidade. Na cobrança, Luiz Adriano bateu firme no canto direito, e Zenobio caiu bem para fazer a defesa.

A equipe não desanimou com o pênalti desperdiçado, retomou a intensidade e em seguida ampliou o placar na Allianz Arena. Gabriel Menino cruzou forte na grande área, e Gustavo Gómez chegou com tudo para cabecear firme para o fundo do gol adversário, sem chances para o goleiro do Tigres. O zagueiro paraguaio fez seu terceiro gol em 2020, confirmando suas ótimas atuações com a camisa do Verdão. 

Impondo mais o jogo, criando e concluindo, o Palmeiras sofreu pouco com os ataques argentinos, e chegou ao terceiro gol com Zé Rafael minutos depois. Luiz Adriano brigando pela bola na entrada da área, Wesley recebe a sobra e dá um toquinho ajeitando para o meia que chega, mesmo desequilibrado, para finalizar chutando rasteiro no canto de Zenobio.

O verdão imparável, não deixava de atacar e reafirmou porquê tem a melhor campanha da fase de grupos na Libertadores 2020. Gabriel Veron, menino da base, além de marcar o quarto gol, se tornou o atleta mais jovem a estufar as redes pelo Palmeiras na competição. Em relação ao tento, Rony após receber lançamento, cruzou rasteiro para área, e o camisa 27 só apareceu para concluir.

O quinto e último gol da equipe no massacre presenciado na Arena, foi de Rony, que havia desencantado na rodada passada. O lateral uruguaio Viña fez boa jogada pela esquerda e concluiu um cruzamento na medida para o atacante chegar finalizando na pequena área, e fazer o seu segundo tento com a camisa alviverde. 5 a 0, e classificação carimbada para as oitavas de final. 

Em jogão, Guaraní vence Bolivar no encerramento do Grupo B

No mesmo horário de Palmeiras e Tigre, se enfrentaram Bolivar e Guaraní-PAR no duelo do segundo contra o terceiro, no Estádio Hernando Siles, na altitude de La Paz. O time Paraguaio virou nos acréscimos após sair perdendo por 2 a 1. Os gols foram marcados por Fernando Fernández, Maná e Ignácio Bobadilla pelo lado visitante. Já pelo Boliviano, Riquelme e Dominguez fizeram. Veja a situação no Grupo B: 

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo