Exclusivo - Capitão Luis Ricardo reforça vontade de ficar na Portuguesa após título da A2
Foto: Alexandre Battibugli/Ag. Paulistão

No último domingo (17), a Portuguesa se sagrou campeã da Série A2 do Campeonato Paulista,, após duas partidas contra o São Bernardo pela final. A decisão encerrou 3 a 1 para Lusa no agregado e ficou marcado por uma linda festa da torcida dos campeões no Canindé, estádio da Portuguesa.

O foco desta entrevista é o lateral-direito Luis Ricardo, ídolo da Portuguesa. O jogador está na segunda passagem pelo clube e se sagrou campeão do Campeonato Estadual neste ano. Na primeira passagem, o camisa 2 também conquistou o mesmo campeonato, mas estava presente no momento mais trágico da história da Lusa, o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. De lá para cá, o clube nunca mais voltou à elite do país, mas busca se reestabilizar agora, ao voltar para a primeira divisão de São Paulo.

Em entrevista exclusiva à VAVEL Brasil, Luis Ricardo falou sobre a conquista do Paulistão A2 e afirmou que quer ficar no clube para 2023.

VAVEL: Luís, você estava presente no momento mais trágico da história da Portuguesa, quando foi rebaixada para Série B do Campeonato Brasileiro em 2013 e pode estar vivendo um momento de reerguida da Lusa. Qual foi sua motivação para voltar nessa temporada e ajudar a Lusa a voltar para a elite do futebol paulista?

Luis Ricardo: "A Portuguesa, tanto em 2012 como em 2013, vinha fazendo uma campanha regular dentro do campeonato. Em 2013, a maioria dos jogadores que ali estavam foram vendidos, outros renovaram. Dentro do campo não foi “trágico”, apesar do rebaixamento, mas fora, sim. E isso nos deixou muito tristes. Com certeza esse momento foi de se reerguer, juntar forças e seguir.
Minha motivação se chama Portuguesa. É o clube onde eu me sinto em casa, de verdade."

Já com 38 anos, você rodou por clubes gigantes do futebol brasileiro, como São Paulo, Grêmio e Botafogo. Como essa sua experiência ajudou nessa campanha do título do Paulistão A2?

Luis Ricardo: "Costumamos dizer que, com a minha idade, você praticamente já viveu de tudo no futebol, embora todo dia você aprenda algo novo dentro dele. Mas faz diferença por já ter jogado essa competição. Ano passado, jogando pelo Água Santa, jogamos dentro do Canindé mas não levamos o título. E quando você tem uma segunda chance você tem que aproveitar e conquistar."

Principalmente nos jogos decisivos do Paulista, a torcida da Lusa fez o Canindé tremer, fazendo uma festa linda no estádio histórico do clube. Como esse apoio fez a diferença na campanha do título?

Luis Ricardo: "A torcida da Portuguesa é uma torcida apaixonado pelo clube. Quando precisa dela, ela comparece, e foi muito lindo ver o Canindé lotado, depois de uma pandemia onde vários jogos aconteceram sem torcida. Eles mereciam tudo isso."

Você já tinha sido campeão do Paulistão A2 em 2013 com a Portuguesa, mas o clube passava uma fase completamente oposta. O título desse ano tem um gosto especial por tudo que a Lusa passou nos últimos anos?

Luis Ricardo: "Título é título, todos têm o seu valor. Naquela época era um momento e soubemos aproveitar, mas na vida, seja no futebol ou em qualquer outro ramo, você tem que provar todos os dias, e nós jogadores, junto com a diretoria e a comissão técnica, sabíamos da pressão que viria se não ganhasse o titulo. Eles nos deram total condições para que isso acontecesse. Foi muito especial sim, porque a Portuguesa merece coisas grandes por tudo o que passou."

Para finalizar, Luís, acho que é o que o torcedor da Lusa mais quer saber. Vai permanecer na Portuguesa para 2023 e acredita que a equipe pode voltar a brigar com os grandes de São Paulo?

Luis Ricardo: "Eu fico, sim! Meu contrato é até o final desse ano, mas desde já quero dizer: Paulistão 2023, quero estar presente sim hahaha.
Daqui para o ano que vem muitas coisas irão acontecer, mas a Portuguesa chegará forte, sim. Como sempre foi quando enfrentava jogos grandes, que sempre foi o nível da Portuguesa."

VAVEL Logo