Histórico! Palmeiras tem dois jogadores expulsos, bate Atlético-MG nos pênaltis e vai à semi da Libertadores
Foto: Divulgação /Conmebol

Em uma noite de quarta-feira (10) histórica na Libertadores, o atual bicampeão Palmeiras não teve vida fácil no jogo de volta das quartas de final. Em um embate equilibrado e com dois a menos, a equipe de Abel Ferreira empatou em 0 a 0 no tempo normal e venceu o Atlético-MG por 6 a 5 nos pênaltis. Com a vitória, o alviverde chega a sua quarta semifinal consecutiva nos últimos cinco anos.

  • Equilíbrio e expulsão de Danilo no primeiro tempo

O primeiro tempo começou equilibrado e com muito estudo de ambos os lados. A primeira boa chance da equipe da casa aconteceu com Gustavo Scarpa, após cruzamento de Dudu e Arana afastou o perigo.

O jogo mudou quando aos 28 minutos, após falta dura em Zaracho e revisão do VAR, o árbitro Wilmar Rodan decidiu expulsar o volante Danilo, do Palmeiras.  

Hulk teve a melhor chance do time mineiro ainda na primeira etapa mas acabou não pegando em cheio na bola. O Galo usou muito as bolas paradas para atacar o Palmeiras, que soube se defender bem e contou com boa atuação de Weverton.

  • Segundo tempo com mais duas expulsões

Conhecido por um forte sistema defensivo, o Palmeiras baixou as suas linhas e viu o Atlético-MG com mais posse de bola durante toda a segunda etapa. Buscando a vitória e com superioridade numérica, o técnico Cuca mexeu na equipe e colocou Eduardo Sasha e Vargas no comando de ataque.

A situação do Palmeiras se complicou ainda mais do meio para o fim da partida. Aos 36 minutos, Gustavo Scarpa foi expulso após entrada dura em Allan. 

Com dois a menos, a equipe de Abel Ferreira soube se defender e só buscava os contra-ataques com as jogadas em velocidade de Dudu e Rony. 

A única boa chance do Galo foi uma bola na trave de Hulk no fim da partida, após um cruzamento que passou por todo mundo. No último segundo, o chileno Vargas perdeu a cabeça e também foi expulso.

  • Decisão nos pênaltis

A decisão nas penalidades foi muito equilibrada e só decidida nas cobranças alternadas. Rubens errou a sexta cobrança e o zagueiro Murilo foi o autor do gol da classificação.

  • Como ficou?

Com a classificação, o Palmeiras espera o vencedor de Athletico e Estudiantes, que duelam nesta quinta-feira (11), na Argentina. O primeiro jogo deu empate em Curitiba.

  • Próximos jogos

O Palmeiras tem clássico no próximo sábado contra o Corinthians, às 19h (de Brasília), na Neo Química Arena. O  Atlético-MG visita o Coritiba às 11h de domingo, no Couto Pereira. Os dois jogos são válidos pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

VAVEL Logo