Operário não sai do empate com Vila Nova e permanece no Z-4
Foto: Divulgação / Operário 

Em jogo da parte debaixo da tabela, o Operário empatou com o Vila Nova por 1 a 1 nesta sexta-feira (30), no estádio Germano Krüger, e fica estacionado na zona de rebaixamento da Série B, enquanto o colorado goiano não se afasta do perigo e segue perto da degola. O Fantasma saiu na frente com o Paulo Victor, mas no final da primeira etapa, Altemir marcou e deixou tudo igual.

Vila reage no primeiro tempo

Vivendo uma situação complicada, o Operário começo partindo para cima do adversário, com isso se impondo na partida. A oportunidade inicial veio em uma cabeçada do zagueiro Dirceu que se aventurou  na área e mandou por cima da trave. No lance seguinte, não teve jeito, em um levantamento cirúrgico, Fernando meteu de peixinho quase na meia lua e a bola entrou no cantinho: 1 a 0.

Após a abertura do marcador, as emoções só retornaram já na reta final e na primeira chance real do Colorado, Altemir empatou a peleja. Sousa tentou arriscar rasteiro, mas a bola acabou sobrando para o centroavante que bateu cruzado em direção ao gol: 1 a 1. Restava pouco tempo, então antes do intervalo terminou  no 1 a 1.

Placar mantido

O segundo tempo começou movimentado, com as duas equipes tentando desempatar, mas quem chegava com perigo era o Vila. A primeira em uma batida passou muito em cima do travessão.  Depois foi em chute de Cabral em que a defesa desviou.

A partir dos 20 que os dois times revezavam as chances. Hugo Cabral recebeu na esquerda e Vanderlei dividiu, com isso afastando o perigo. O Operário respondeu com o Fernando Neto que soltou uma bomba e passou rente à trave. Aos 27, a principal polêmica do jogo. Em um cruzamento rasteiro de Lucas Pereira, Ricardo Pereira tentou na primeira e o goleiro defendeu,  mas na segunda tentativa, Neto empurrou para dentro. No entanto, o VAR avisou que a bola tinha saído na assistência do William e anulou o gol do Operário.

Na reta final, Rafael Donato teve nos seus pés o gol da vitória vilanovense. Ele recebeu um passe de cavadinha de Marlone, mas de frente para a meta, chutou torto para a linha de fundo. Após esse lance, o jogo se encaminhou para o final e terminou mesmo na igualdade,  resultado que não agradou nenhum dos dois lados.

Sequência

Na 18º colocação, com 32 pontos, o Operário não terá muito tempo para descansar e volta a campo nesta terça-feira (4), novamente em casa, diante do Vasco, às 19h. Enquanto isso, o Vila Nova permanece na 15ª posição, com 38 somados. O próximo compromisso será contra o Criciúma, também na terça-feira, às 19h.

VAVEL Logo