Federer perde primeiro set, mas vence Nishikori sem drama nas quartas de Wimbledon
Foto: ATP Tour/Divulgação

Federer perde primeiro set, mas vence Nishikori sem drama nas quartas de Wimbledon

Suíço encontrou um japonês impecável no primeiro set, mas que não aguentou manter o nível nas parciais seguintes e venceu sua partida por três a um

henrique
Gabriel Matos

Aos 37 anos, ainda é impossível para o #3 Roger Federer parar de quebrar mais e mais recordes. Nesta quarta-feira (10), o suíço de 37 anos eliminou o #7 Kei Nishikori por três sets a um, com parciais de 4/6, 6/1, 6/4 e 6/4, em partida que durou 2h39 na Quadra Central pelas quartas de final de Wimbledon.

Nishikori começou em seu melhor nível, vencendo o primeiro set por 6/4 com uma quebra no primeiro game do encontro e perdendo alguns break points ao longo do caminho. Ao fim da parcial, ele fez 13 winners e só sete erros não forçados, contra 17 bolas vencedoras e 12 erros de Federer.

A partir do segundo set, o japonês não conseguiu encontrar esse mesmo nível, reduzindo sua quantidade de bolas vencedoras, o que deu ao suíço a oportunidade de quebrá-lo várias vezes. Nos últimos três sets, Nishikori cometeu 21 erros não-forçados e só marcou 18 bolas vencedoras, enquanto Federer, regular, fez 38 winners e 24 erros.

O triunfo de Federer faz quebrá-lo mais um recorde: é a 100ª vitória do suíço em Wimbledon. No tênis masculino, ele é soberano em Wimbledon, estando a frente de nomes como Djokovic (70), Sampras (63), Nadal (52) e Borg (51). Nos Slams em geral, Federer é o único tenista a possuir pelo menos 100 vitórias, dividindo o posto de primeiro lugar com Jimmy Connors no US Open (98) e Rafael Nadal em Roland Garros (93). Para se manter absoluto em seu recorde em Wimbledon, Federer precisa de mais 20 vitórias para ultrapassar Martina Navratilova, que possui 120 triunfos no Major britânico.

Para seguir avançando e fazer parte da final que pode definir seu nono título em Wimbledon, Roger Federer precisará eliminar seu maior adversário no circuito da ATP: o #2 Rafael Nadal. Juntos, farão o 40° confronto de sua carreira, com 24 deles indo para o espanhol. Na grama, enfrentaram-se em 2006, 2007 e 2008, todos em Wimbledon, com duas vitórias do suíço.

VAVEL Logo