Bautista-Agut vence jogo equilibrado com Thiem e é semifinalista em Doha
Roberto Bautista Agut venceu Dominic Thiem no ATP 250 de Doha 2021 (ATP / Divulgação)

Quando as quartas de final do ATP 250 de Doha foram formadas, um confronto chamou atenção de muitos: #4 Dominic Thiem enfrentaria #13 Roberto Bautista-Agut. Nesta quinta-feira (11), a peleja entregou tudo o que os fãs de tênis queriam. Em partida de grande nível técnico, o espanhol venceu o austríaco por dois sets a um. 

Em 2h26, o primeiro set foi vencido pelo espanhol no tie-break: 7/6. O austríaco virou a sorte no seguinte, em parcial folgada: 6/2. Bautista Agut levou a melhor no período decisivo, com 6/4.

Duelo de gigantes

Nos primeiros quatro games, duas quebras de serviço - uma para cada lado. Até o final do set, apenas dois momentos foram mais longos: no sexto e no décimo, ambos sacados por Thiem, foram sete pontos. No tiebreak, nos primeiros cinco pontos, Bautista-Agut venceu quatro - quebrando o saque do adversário duas vezes. Em mais um saque de Thiem quebrado, o espanhol fez 7-3. 

Mais rápido de todos os sets, o segundo já começou com surpresas: nos três primeiros momentos, duas quebras de saque - uma para cada tenista. A sequência, entretanto, fez mal para Bautista-Agut. No sexto e no oitavo games, sacados por ele, o serviço foi rejeitado em ambos - e o austríaco fez 6/2 na contagem final do período.

Outra sequência de saques quebrados no início do terceiro set: uma para cada lado - o primeiro, em nove pontos e sacado por Thiem; o segundo, em sete, por Bautista-Agut. Embora os momentos fossem confirmados, o terceiro e o quarto também foram longos, com sete pontos. O erro decisivo veio no quinto game, quando o espanhol rejeitou o saque do adversário. Dali para frente, coube ao cabeça de chave 5 administrar a vantagem e fechar a partida em 6/4.

O que vem por aí

Na semifinal do Qatar ExxonMobil Open, Bautista Agut enfrentará o russo #8 Andrey Rublev. O atual campeão ainda não entrou em quadra no torneio de simples, depois de folga na rodada de estreia e desistências de Gasquet e Fucsovics nas rodadas seguintes.

VAVEL Logo