Laura Pigossi supera Tan em Bogotá e anota primeira vitória em chaves principais da WTA
Foto: Divulgação/Copa Colsanitas

A #212 Laura Pigossi conseguiu um grande marco para sua carreira nesta segunda (14). A brasileira, medalhista de bronze de duplas em Tokyo 2020, venceu sua primeira partida na chave principal de simples em um torneio da WTA.

O triunfo aconteceu sobre a #90 Harmony Tan pela primeira rodada do WTA 250 de Bogotá, na Colômbia. A partida teve placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3. No total, a duração da partida foi de 1h44, mesmo com apenas dois sets disputados.

Pigossi foi medalhista de bronze ao lado de Luisa Stefani nos Jogos Olímpicos de Tóquio, sendo a primeira medalha do Brasil em qualquer chave do tênis. Agora, ela atinge nova grande marca, na WTA. A paulistana já não chegava a uma chave principal de simples no circuito desde 2016, e ampliou o feito ainda mais.

Para alcançar esse momento inédito, a brasileira teve um jogo duro contra a francesa cabeça de chave 5, semifinalista do torneio em 2021, mas que nunca escapou exatamente de suas mãos. Muitos games foram longos por conta de chances desperdiçadas por Pigossi e acabaram exigindo mais da tenista. Porém, o jogo esteve a quase todo momento em seu controle.

A paulistana abusou de bolas profundas e com muito top spin para tirar o ritmo da adversária. Tan aguentava a troca de golpes até onde podia, mas em vários momentos resolvia correr um risco a mais, e mandava a bola para fora ou na rede. No final, a francesa ficou com 63 pontos ganhos, e a oponente, 80.

O uso de primeiro saque e o aproveitamento com o segundo também fizeram a diferença para Pigossi. Ela teve 81% contra apenas 43% da outra no primeiro quesito, e 47% contra 32% no segundo. Isso resultou em cinco quebras ganhas e somente duas sofridas.

No primeiro set, a brasileira venceu quatro games seguidos e logo se viu com 5/2 a seu favor. Ela foi quebrada ao sacar para o set com esse placar, após longo game, e precisou de mais um serviço para fechar a conta. Após oito set points desperdiçados, a chance não foi perdida e a etapa foi finalizada.

Já na segunda parcial, Tan conseguiu quebra no primeiro game e depois levou o troco logo sem seguida. Pigossi voltou então a vencer quatro games seguidos, dessa vez após o 2/3, garantindo mais duas vitórias no saque da adversária e também a vitória.

O que vem por aí 

Com três vitórias até agora na Copa Colsanitas,, a brasileira se aproxima de superar seu melhor ranking da carreira, o 185° posto.

Na próxima rodada, Laura Pigossi enfrentará a vencedora do confronto entre a #120 Ekaterine Gorgodze e a #683 Yuliana Monroy.

VAVEL Logo