Bia Haddad derruba Bencic e segue rumo às semifinais do WTA 1000 de Toronto
Divulgação/WTA

Após derrubar Martina Trevisan, Leylah Fernández e a #1 Iga Swiatek, a #24 Beatriz Haddad Maia desbancou a #11 Belinda Bencic, campeã de 2015, para alcançar as semifinais do WTA 1000 de Toronto e seguir rumo ao sonho de levantar um troféu desse nível.

Nesta sexta-feira (12), Haddad Maia saiu atrás, mas conseguiu a virada e venceu por 2 sets a 1, parciais de 2/6, 6/3 e 6/3, em 2h13 de jogo.

No primeiro set, sem oferecer riscos à Bencic, Bia Haddad acabou sendo vencida por 6/2, sofrendo duas quebras de serviço e não conseguindo ameaçar nenhum da adversária.

A partir da segunda parcial, o jogo mudou. Com uma incrível retomada mental, a brasileira conseguiu dirimir os erros que estava cometendo no primeiro set e, ao mesmo tempo, passou a explorar as fraquezas de Bencic, como as bolas em profundidade da quadra e o ataque ao segundo saque. 

Neste ritmo, Bia conseguiu por em quadra seu saque, que empurrou às cordas a suíça. No segundo set, Bencic conseguiu meros 59% de aproveitamento dos pontos em seu primeiro serviço e tímidos 50% quando precisou usar o segundo serviço. Ótimo para Beatriz que, além de conseguir 79% de aproveitamento dos pontos em seu primeiro saque, ainda forçou duas quebras de serviço, essenciais para vencer por 6/3 e empatar a partida.

A demonstração de grandeza e de luta da brasileira ficou mais nítida no último set. Enfrentando uma quebra de serviço logo no primeiro game, Haddad Maia deu a chance para a adversária pensar que seria mais fácil. Não foi. Com uma ótima reação, Bia devolveu a quebra no quarto game, forçou outra no oitavo e sacou para a vitória no nono, após 2h de partida, fechando o jogo em 2 sets a 1.

O que vem por aí

Com a vitória, Bia Haddad chegará, no mínimo, ao top 20 na próxima semana, sendo a primeira representante do Brasil a alcançar essa marca, após 18 anos, sendo o último Gustavo Kuerten.

Mas a brasileira pode mais. Para isso, precisa bater a tcheca #14 Karolina Pliskova, que passou pela chinesa #51 Qinwen Zheng, também por 2 sets a 1. Até aqui, foram dois confrontos entre as duas, com uma vitória para cada. O duelo acontece neste sábado (13), às 19h (horário de Brasília).

VAVEL Logo