Augsburg vence confronto direto com Mainz e se aproxima da permanência na Bundesliga
Foto: Diulgação/Mainz 05

Em confronto importante na luta contra o rebaixamento, o Augsburg venceu o Mainz por 1 a 0, fora de casa, e praticamente garantiu sua permanência na Bundesliga, enquanto complicou a vida do rival. Niederlechner fez valer a 'lei do ex', marcando o gol da partida válida pela 31ª rodada, na Opel Arena.

Logo aos 42 segundos, o Augsburg abriu o placar em sua única finalização certa em toda a etapa inicial. Gruezo colocou na área de cabeça, Niederlechner apareceu por trás de defesa e chutou, encobrindo Müller e abrindo o placar. Este foi o 12º gol do atacante, que não marca há dez jogos.

O Mainz pressionou em busca do empate, principalmente na reta final do primeiro tempo, apesar de ter dado algumas chances para o rival no contra-ataque. No total, o time finalizou oito vezes, contra duas do Augsburg, e teve 66% de posse de bola.

Aos 16, Latza cruzou e Awoniyi desviou de cabeça, com perigo perto da trave de Luthe. No lance, o atacante ficou caído desacordado e acabou sendo substituído por Onisiwo. Ele passa bem.

A melhor chance do Augusburg após o gol veio aos 30. Vargas recebeu bom lançamento na direita, avançou com espaço e finalizou da entrada da área, com perigo.

Oito minutos depois, Mateta teve a melhor chance de empate para o Mainz. O francês recebeu de Quaison, driblou o goleiro e chutou de canhota, mas não com muita força, e Max conseguiu salvar quase em cima da linha. Aos 42, Öztunali apareceu bem pelo meio, foi travado por Gouweeleuw e a bola sobrou para Onisiwo, que finalizou bem, porém Luthe salvou.

A última chance da etapa inicial veio aos 47. Após cobrança de escanteio de Brosinski, Mateta finalizou de cabeça na pequena área, mas em cima de Luthe.


Apesar da posse de bola ter se mantido praticamente a mesma e o Mainz ter ocupado mais o campo de ataque durante a segunda etapa, as chances foram bem menos claras. O técnico Achim Beierlozer tentou colocar seu time mais a frente, com as entradas de Baku, Boëtius e Szalai, mas o time teve poucas oportunidades para empatar.

Logo no começo da etapa final, aos três, Vargas recebeu na entrada da área, chutou com desvio em St. Juste e Müller salvou, mas a bola ainda raspou no travessão. Dois minutos depois, o Mainz teve boa chance. Brosinski bateu escanteio rasante, Onisiwo desviou de letra, mas Luthe segurou firme.

Com menos posse de bola, mas com espaços para contra-atacar, o Augsburg quase ampliou aos 15. Sarenren-Bazee fez grande jogada pela direita, cruzou para trás e Vargas finalizou livre, mas à direita. Dois minutos depois, em sua primeira ação após ser colocado em campo pelo técnico Heiko Herrlich, Hahn avançou pelo meio, invadiu a área e chutou cruzado, parando em ótima defesa de Müller.

Errando muito no terço final de campo, o Mainz abusou dos cruzamentos e não teve mais nenhuma grande oportunidade de buscar o empate, deixando escapar a chance de se afastar da zona de rebaixamento.

Classificação e próximos compromissos

As duas equipes voltam a campo na quarta-feira (17), às 15h30. O Mainz visita o vice-líder Borussia Dortmund, enquanto o Augsburg joga em casa contra o Hoffenheim.

O Mainz é o 15º, com três pontos a mais que o Düsseldorf, que jogaria os playoffs, e o Werder Bremen, que seria rebaixado diretamente, e será seu adversário na penúltima rodada - faltam apenas três para o fim do Alemão. Já o Augsburg subiu para a 13ª colocação, com 35 pontos, sete a mais que o 16º colocado, praticamente livre da ameaça de rebaixamento.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo