Tommy Stroot lamenta eliminação do Wolfsburg e cita orgulho: "Vimos o que é possível"
Divulgação / Wolfsburg

O Wolfsburg até saiu com a vitória por 2 a 0, mas a vantagem do Barcelona era enorme e com isso não conseguiram a vaga na final da Champions Feminina. Com uma Volkswagen Arena lotada, as Lobas dominaram as Culés e construíram o triunfo no segundo tempo, mesmo assim o resultado não foi o suficiente e se despediram do torneio europeu. Depois da partida as alemães foram muito aplaudidas pela torcida, pelo esforço na semifinal.

O treinador Tommy Stroot analisou a eliminação. Ele se diz muito orgulhoso e elogiou a recuperação das jogadoras após a goleada no jogo de ida.

"Apesar de ter sido eliminado, foi uma grande noite. O 5 a 1 realmente nos machucou. Para mim, como treinador, é sempre o processo que é crucial, então ver dentro de uma semana as jogadoras se recuperarem e acreditarem em abordar este jogo da maneira que fizeram. Hoje tivemos melhor acesso e estivemos presentes nos momentos de transição. Vimos o que é possível quando acreditamos em nós mesmos", lamenta o comandante das Lobas. 

O técnico ainda afirmou que o confronto já terminou em Barcelona e que sabia que era quase impossível de reverter o resultado. Mesmo assim, Tommy estava curioso em ver uma vitória por 3 a 0 para presentear a torcida que compareceu em bom número.

"Eu gostaria de ter visto a vitória por 3 a 0, porque eu estaria curioso para ver o que se desenvolveria a partir disso junto com o público. Mas no geral, é claro, perdemos tudo na primeira mão. O orgulho agora prevalece para mim, embora a decepção quando somos eliminados nas semifinais seja normal", concluiu Tommy Stroot. 

Agora o Wolfsburg terá que esquecer a eliminação da Champions e vai se concentrar no Campeonato Alemão. As Lobas lideram, mas Bayern de Munique está na cola, em segundo. A próxima partida será contra o Essen, na próxima quarta-feira (6), fora de casa.

VAVEL Logo