Liverpool vence Chelsea nos pênaltis e conquista a FA Cup depois de 16 anos
Divulgação / Liverpool 

Mais um título na conta dos comandados de Klopp e companhia. O Liverpool venceu o Chelsea nos pênaltis e se consagrou campeão da FA Cup de 2022. Em uma partida disputada, as duas equipes até tiveram chances de marcar no tempo regulamentar, mas parou no goleiro e na falta de pontaria para se decidir somente nas penalidades. Já nos pênaltis, os Reds contaram com a estrela de Alisson que defendeu a cobrança de Mason Mount, com isso ficando com a taça. 

  • Primeiro tempo equilibrado, mas com o Liverpool um pouco melhor e perdendo chances

Com uma bela festa antes do jogo e um bom público, as duas equipes começaram o jogo com um certo equilíbrio e quem começou as ações foi o Liverpool. A primeira chance veio logo aos três minutos, Luis Díaz foi acionado pelo Thiago Alcântara na esquerda e cruzou, a bola passou por toda a extensão da área não chegando ninguém. Os Reds chegaram novamente aos 7', onde Díaz foi lançado e sozinho com Mendy, o goleiro dos Blues defendeu com as pernas e no rebote Keita mandou para a linha de fundo.

O Chelsea teve a sua grande chance aos 27' quando Mason Mount foi lançado na direita e bateu rasteiro para área encontrando Pulisic que mandou cruzado, a bola passou raspando a trave. Os Blues cresceram no jogo e logo em seguida apareceu o Alisson, Pulisic recebeu na esquerda e o goleiro brasileiro fechou o gol. Os Reds ainda tentaram no fim da primeira etapa com o Diogo Jota que mandou longe, mas ficou nisso mesmo, 0 a 0.

  • Liverpool e Chelsea perdem vários gols no tempo normal e na prorrogação, com isso a decisão vai para os pênaltis 

As duas equipes voltaram para o intervalo no mesmo ritmo do primeiro tempo criando oportunidades para marcar e quem começou foi o time londrino. Logo com um minuto, Pulisic foi servido na direita e levantou para o Marcos Alonso que bateu cruzado passando rente ao poste direito do Alisson. O jogador espanhol estava afim de abrir o placar pois três minutos depois ele mandou na trave em uma cobrança de falta na direita e sem ângulo. O Liverpool respondeu com o Robertson que sozinho bateu mal e mandou para fora.

Na reta final do tempo regulamentar só deu os Reds, a primeira em uma jogada de Mané que serviu Díaz. ele chutou e a bola passou resvalando a trave. Mas na maior chance da segunda etapa a equipe da cidade de Beatles poderiam garantir o título, Milner foi servido e cruzou para o Robertson que só ele e o gol conseguiu mandar no poste esquerdo de Mendy, terminado zerado o tempo regulamentar. 

Na prorrogação, a partida caiu de rendimento por causa do cansaço e tivemos poucas finalizações com perigo. A única foi com o Chelsea no primeiro tempo, a jogada começou com o Ziyech que levantou e Pulisic literalmente se jogou na bola, mas mandou para o tiro de meta. Com a partida equilibrada só restou a cobrança das penalidades para ver quem ficaria com a taça. 

  • Alisson brilha e leva o título para o Liverpool

Nos pênaltis, Marcos Alonso e James Milner converteram as primeiras cobranças, na segunda o capitão Azpilicueta mandou na trave direita. A partir de então Thiago Alcântara, Roberto Firmino e Arnold acertaram para os Reds. No lado do Chelsea, Reece James, Barkley e Jorginho efetuaram. Mas quando chegou no pênalti decisivo para o Liverpool, Mané conseguiu perder e Mendy virou o herói naquele momento.

Nas cobranças alternadas, Ziyech e Diego Jota bateram com perfeição. Foi então que chegou a vez de Mason Mount ele mandou a meia altura e Alisson agradeceu e fez a defesa. Agora só faltou Tsimikas decidir e não desperdiçou oportunidade, ele chutou rasteiro na canto direito de Mendy que foi para o outro lado. Festa do Liverpool que ficou com a troféu depois de 16 anos e que ainda pode ser mais já que ainda tem a Champions na próxima semana.

VAVEL Logo