Estrela do técnico brilha e Alex Santana garante vitória do Botafogo sobre o Fortaleza
Foto: Divulgação / Botafogo

O Botafogo aproveitou os dois jogos seguidos em casa e emplacou a segunda vitória no Campeonato Brasileiro. Após vencer o Bahia na rodada passada, o time comandado por Eduardo Barroca bateu o Fortaleza no Nilton Santos, por 1 a 0, com gol de Alex Santana.

Logo no início, o Botafogo tentou impor seu estilo de jogo abafando as saídas de bola do adversário e aproveitando a velocidade do artilheiro Erik. Porém, a primeira chance da partida veio do Fortaleza. Aos 7 minutos, Wellington Paulista, ex alvinegro, recebeu bom cruzamento de Carlinhos e cabeceou a bola na trave direita de Gatito Fernández, quase abrindo o placar.

A resposta do Botafogo veio aos 19 minutos, quando Erik obrigou Felipe Alves a fazer grande defesa. Diego Souza cruzou na cabeça do camisa 11 que acertou no ângulo, mas o goleiro do Leão espalmou para escanteio, evitando o primeiro gol.

O Botafogo apertava a equipe do Fortaleza e tinha como principal investida as bolas aéreas, com Erik se apresentando com perigo na área para finalizar.

Aos 27 minutos, novamente o artilheiro alvinegro teve grande chance de deixar o seu no jogo. Erik interceptou o passe, driblou entre as pernas do defensor e invadiu a área, ficando cara a cara com Felipe Alves, que fez boa defesa de novo. 

O Fortaleza tentava voltar pro jogo, mas abusava nos passes errados. Apenas aos 30 minutos chegou no ataque de novo, com chute de fora da área de Júnior Santos. A bola passou à direita da meta defendida por Gatito e tocou na rede pelo lado de fora. Logo depois, após falta na intermediária, Wellington Paulista apareceu sozinho para concluir de cabeça, mas de costas, mandou à esquerda do gol.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o VAR entrou em ação após lance polêmico. Wellington Paulista reclamou de ter sido empurrado por Gilson na pequena área. Porém, o árbitro Wagner Reway entendeu que não houve nada após consultar o vídeo. 

No segundo tempo, o jogo perdeu um pouco da intensidade. A equipe do Fortaleza acertou a marcação e impediu as investidas do Botafogo, obrigando Erik, principal nome da equipe na primeira etapa, a vir buscar mais o jogo. Aos 7 minutos, após boa trama entre Carlinhos e Tinga, Wellington Paulista aproveitou bola escorada e arriscou o chute de fora da área. A bola saiu à direita de Gatito após o desvio.

O Fortaleza, em seu melhor momento no jogo, insistia com Carlinhos pela esquerda. Aos 16, o lateral fez boa jogada individual e fez cruzamento rasteiro para Romarinho na área. O zagueiro Gabriel conseguiu desviar e evitar o perigo da conclusão. Em seguida, Júnior Santos apareceu novamente arriscando com chute de fora da área. 

O Botafogo voltou a reagir. Diego Souza caiu na área pedindo pênalti após choque com Quintero. Na sequência do lance, houve reclamação também dos jogadores pedindo mão do zagueiro do Fortaleza em tentativa de cruzamento. Aos 24 minutos, o volante Alex Santana, que entrou na vaga de Gustavo Bochecha, aproveitou o rebote de Felipe Alves em chute de Erik e teve só o trabalho de empurrar para as redes.

Após o gol, o glorioso tentou controlar as ações do jogo e segurar o resultado. O Fortaleza ainda chegou mais duas vezes, obrigando Gatito a fazer boa defesa numa delas, após chute de longe do meia Edinho

Com a vitória, o Botafogo chegou aos 6 pontos e entrou no G-6 do Brasileiro, mas ainda pode ser ultrapassado pelo Bahia que joga às 19h. Na próxima rodada, a equipe tem pela frente o clássico contra o Fluminense, em partida realizada no Maracanã. Já o Fortaleza encara o São Paulo no Castelão.

 

 

 

 

VAVEL Logo