Após derrota, Diniz reclama de pênalti marcado contra o Flu: "Não tinha onde colocar a mão"
Foto: Lucas Merçon/FFC

Pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense enfrentou o Bahia na Fonte Nova e acabou derrotado por 3 a 2. O técnico tricolor após a partida não concordou com a marcação do pênalti que originou o terceiro gol da equipe baiana. A penalidade máxima ainda foi marcada com o auxílio do VAR.

"No lance do pênalti, o juiz entendeu que foi pênalti. Além do lance, a gente teve uma palestra da CBF. Não sei onde o Gilberto poderia estar com o braço para disputar a bola aí. Vai colocar o braço na cintura com esparadrapo? Não tinha onde colocar a mão."

Fernando Diniz ainda reclamou de uma falta em Pedro, na origem do lance do pênalti para o Bahia.

"A origem do gol nesse pênalti foi uma falta claríssima. Foi minha única reclamação no jogo, e o árbitro me deu amarelo. Não sei que relação o treinador tem que ter com arbitragem. Minha relação com quarto árbitro foi ótima o jogo inteiro. Taticamente, a equipe fez um bom jogo. E a gente merecia melhor sorte."

Mesmo com a falha do goleiro Agenor no segundo gol, após erro na saída de bola, o técnico elogiou o goleiro e o time do Fluminense.

"Goleiro muito treinado, seguro. O Agenor é nosso goleiro, assim como Rodolfo. A gente não vai colocar a responsabilidade em cima de uma pessoa só. A gente teve chance para empatar e virar."

"Acho que o Fluminense teve uma boa partida, a gente conseguiu fazer dois gols aqui dentro, que é difícil. Segundo tempo colocamos o time mais à frente."

Por fim, o comandante do tricolor carioca também comentou as entradas de Ganso e Marcos Paulo no intervalo, e sobre o time que vai jogar a partida de volta pela Copa Sul-Americana na Colômbia.

"Além da qualidade do Ganso e do Marcos, eles estão treinando há mais tempo. E isso pode ser determinante. A equipe com 10 jogadores não se acovardou em nenhum minuto."

"A gente vai jogar com um time muito qualificado, fizemos um bom jogo no Maracanã, temos que todas todos os cuidados. Vamos entrar com força máxima para fazer um bom jogo."

VAVEL Logo