Com mudanças, CBF divulga lista final dos convocados para Pré-Olímpico
André Jardine, técnico da Seleção Brasileira Olímpica | Foto: Thaís Magalhães/CBF

Na noite desta sexta-feira (27), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, em seu site oficial, a lista final com os 23 jogadores que irão representar a Seleção Brasileira no Torneio Pré-Olímpico de Futebol, a ser disputado na segunda quinzena do vindouro mês de janeiro, na Colômbia. Modificações precisaram ser feitas pela comissão técnica por causa de alguns clubes terem se recusado a liberar seus jogadores. Como torneios olímpicos não são Datas Fifa, então não há obrigatoriedade das equipes. Por isso, cinco mudanças em relação à lista inicial foram necessárias para repor os atletas que não foram liberados por times europeus.

Ficaram de fora o lateral-direito Emerson (Real Betis), o zagueiro Gabriel (Lille), o volante Douglas Luiz (Aston Villa), o meia Wendel (Sporting) e o atacante Gabriel Martinelli (Arsenal). Com praticamente a certeza de que a convocação seria em vão, nomes importantes da equipe como o lateral-esquerdo Renan Lodi (Atlético de Madrid) e os atacantes Vinícius Júnior e Rodrygo (ambos do Real Madrid) ficaram de fora.

O técnico André Jardine optou por jogadores que atuam no futebol brasileiro e em cenários de menor visibilidade no Velho Continente para substituir os cinco que precisaram ser removidos. Foram escolhidos o lateral Dodô (Shakhtar Donetsk), o zagueiro Nino (Fluminense), o volante Douglas Augusto (PAOK) e os atacantes Bruno Tabata (Portimonense) e Pepê (Grêmio).

Disputa

A Seleção Olímpica (Sub-23) inicia a preparação para o torneio no dia 3 de janeiro, em atividades concentradas na Granja Comary, em Teresópolis/RJ. O Pré-Olímpico tem início previsto para o dia 18 de janeiro e a rodada final no dia 9 de fevereiro de 2020. São dois grupos com cinco seleções, compostas pelas filiadas à Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). No Grupo A, estão Colômbia, Chile, Venezuela, Equador e Argentina. Integram o Grupo B as seleções do Brasil, do Paraguai, da Bolívia, do Uruguai e do Peru.

Na primeira fase, todos os times de um grupo se enfrentam em jogos de ida. Os dois melhores colocados de cada chave avançam ao quadrangular final, onde os dois primeiros garantem as duas vagas destinadas à América do Sul para os Jogos Olímpicos de Tóquio, a serem disputados no fim de julho e início de agosto de 2020. O Brasil estreia no dia 19 de janeiro, em Armenia, contra o Peru, às 18h30 (horário de Brasília).

Convocados

Goleiros – Cleiton (Atlético-MG/BRA), Ivan (Ponte Preta/BRA) e Phelipe Megiolaro (Grêmio/BRA);

Laterais – Dodô (Shakhtar Donetsk/UCR), Guga (Atlético-MG/BRA), Ayrton Lucas (Spartak Moscou/RUS) e Caio Henrique (Fluminense/BRA);

Zagueiros – Nino (Fluminense/BRA), Ibáñez (Atalanta/ITA), Robson Bambu (Athletico/BRA) e Walce (São Paulo/BRA);

Meio-campistas – Bruno Guimarães (Athletico/BRA), Douglas Augusto (PAOK/GRE), Igor Gomes (São Paulo/BRA), Matheus Henrique (Grêmio/BRA) e Reinier (Flamengo/BRA);

Atacantes – Antony (São Paulo/BRA), Bruno Tabata (Portimonense/POR), Pepê (Grêmio/BRA), Matheus Cunha (RB Leipzig/ALE), Paulinho (Bayer Leverkusen/ALE), Yuri Alberto (Santos/BRA) e Pedrinho (Corinthians/BRA).

VAVEL Logo