Tudo igual: Goiás e Avaí abrem a rodada do Brasileirão com empate na Serrinha
Foto: Heber Gomes/Agif/CBF

Em duelo direto na parte de baixo da tabela, Goiás Avaí ficaram no 1 a 1 na abertura da 22ª rodada do Brasileirão 2022. Bissoli, de pênalti, abriu o placar para o Leão, que, outra vez, não conseguiu segurar a vantagem. Com um belo gol no segundo tempo, Dadá Belmonte evitou a derrota esmeraldina no estádio da Serrinha, neste sábado (13).

Avaí é melhor e sai na frente

As duas equipes vieram com certas surpresas na escalação. Jair Ventura montou uma linha de quatro no meio-campo, enquanto Eduardo Barroca escalou Guerrero como titular pela primeira vez, com Bissoli deslocado para o lado e também trocou Eduardo por Lucas Ventura no meio-campo.

Apostando mais em bolas longas, o Goiás começou bem, explorou o lado esquerdo para chegar com perigo e teve uma série de escanteios no início, mas não conseguiu muitas finalizações claras em toda a primeira etapa - finalizou apenas uma vez na direção do gol de Vladimir. O time da casa, aos poucos, recuou suas linhas e deu uma grande liberdade para o Avaí, que trocou passes com tranquilidade e teve mais posse de bola.

O jogo tinha poucas chances reais até os 30, quando foi realizada a parada para a hidratação.

Depois disso, o Avaí passou a ter ainda mais a posse de bola e a iniciativa. Aos 34, Pottker recebeu de Guerrero, ganhou da marcação e saiu na cara do gol, mas Tadeu foi bem para defender a finalização do atacante avaiano. O Leão chegou tendo a iniciativa e conseguiu ocupar o campo de ataque, até que Raniele sofreu pênalti após escapar pela esquerda e ser deslocado por Maguinho dentro da área aos 42. O artilheiro Bissoli foi para a bola e, com categoria, marcou seu 11º no campeonato.

Nos acréscimos, Pedro Raul teve boa chance de empatar após completar de cabeça uma falta lateral cobrada por Sávio, mas mandou sobre o gol.

Goiás vai para cima e empata

Para a segunda etapa, Jair Ventura colocou dois atacantes a mais - Vinícius e Nicolas -, desfazendo o esquema 4-4-2, recuando Dadá Belmonte e colocando o time com uma atitude mais ofensiva. Já o Avaí, como é recorrente no Brasileirão, não manteve o rendimento do primeiro tempo e foi dominado.

Logo aos 3, Pedro Raul marcou de cabeça, mas o gol foi anulado por toque leve de mão do artilheiro esmeraldino. Com mais jogadores na frente, o Goiás foi empurrando o Avaí, que pouco conseguia atacar. Em uma das poucas jogadas ofensivas, o Leão chegou a ter um segundo pênalti marcado ao seu favor por suposto toque no braço de Sávio. A decisão, porém, foi cancelada após checagem do VAR.

Com alterações priorizando a defesa, Eduardo Barroca tentou segurar o ímpeto do Goiás, mas o Avaí seguiu muito recuado e encurralado. Por outro lado, a pressão das arquibancadas foi crescendo a cada erro de decisão do Esmeraldino. A postura ofensiva do time da casa, porém, finalmente foi recompensada aos 32. Com o time catarinense enfiado na área, Dadá Belmonte recebeu livre de Vinícius e arriscou lindo chute de fora para empatar em Goiânia: 1 a 1.

Aos 39, o Goiás ficou com um a menos após Sávio receber dois amarelos em sequência por faltas em Renato. O Avaí esboçou uma pressão e ficou rondando a área esmeraldina nos minutos finais, mas sem competência ou qualidade para ameaçar o goleiro Tadeu.

Classificação e próximos compromissos

O Goiás sobe para 26 pontos e assume provisoriamente a 11ª colocação do Brasileirão. Já o Avaí fica com 23 e está em 15º, mas pode cair até para a vice-lanterna dependendo dos resultados de Coritiba, Fortaleza, Cuiabá e Atlético-GO

O Goiás volta a campo no próximo sábado (20) diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte, às 16h30. O Avaí só joga na segunda-feira (22) contra o Internacional, na Ressacada, às 20h.

VAVEL Logo