Em duelo válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, Athletico-PR e São Paulo empataram em 1 a 1, na Ligga Arena. Pablo marcou para os mandantes e Pablo Maia empatou para os visitantes.

Após o apito final, Wesley Carvalho, técnico do Furacão, concedeu entrevista coletiva.

Fala Wesley Carvalho!

A primeira fala do técnico foi sobre Fernandinho: "Fernandinho está bem. Nosso jogo é muito intenso, temos muitas transições. Num time com o modelo de jogo que nós jogamos, tem que trocar, é um jogo acelerado. Gastar só a energia necessária não é o perfil do time, do clube e nem meu. Tenho certeza que o Fernandinho está bem fisicamente."

Wesley falou também sobre o desempenho em casa da equoe do Furacão: “Ano passado tínhamos 65/70% de aproveitamento em casa. Fora tínhamos 30 e pouco. Colocamos como meta elevar a performance fora de casa, conseguimos fazer grandes jogos fora de casa. Em casa demos uma desequilibrada, talvez por isso não estejamos em terceiro, quarto, ou em segundo. Temos que pontuar mais, quando empatamos parece que perdemos."

Wesley falou também sobre o objetivo máximo: ir à Libertadores: "O céu e o inferno estão muito próximos. Você não pode entrar em desespero, achar que está tudo errado. Estamos na briga, e vamos brigar pela Libertadores até o final.”

O técnico, por fim, falou sobre a arbitragem: "Eu gosto de falar de futebol. Eu estou pendurado no campeonato, estou com dois cartões amarelos. Ele acabou irritando um pouco, tirando a gente do nosso centro de controle mental”.

Calendário

O Athletico-PR volta a campo na quarta-feira (1) às 19h, quando vai a São Paulo, enfrentar o Corinthians na Neo Química Arena, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

VAVEL Logo
Sobre o autor